Adolpho Millon – 1912-1922

Published On 12/05/2016 | Ex-Atletas, Ídolos
Por Gabriel Santana
Santos, 12/05/2016
Atualizado, 16/05/2016

Nascido no dia 16/09/1895, na cidade de Santos, Adolpho Millon Júnior foi um dos 39 fundadores da história do time santista, e um dos primeiros grandes jogadores a ser revelado pelo Alvinegro.
Ponta-direita, driblador e extremamente habilidoso, Millon também era genioso ao extremo, fato esse que acarretou em algumas desavenças com a diretoria do Santos.
Dentro de campo, transformava todo o seu gênio forte em garra e vontade. Dizem que quando a partida estava difícil para o Santos, Millon tirava as chuteiras, e jogava descalço.
Iniciou sua pratica no futebol no Colégio Barnabé, e na sequência transferiu-se para o Colégio Santista, onde formou no time titular aos 15 anos.
Em 1914, ao lado de Arnaldo Silveira, foi emprestado ao Paulistano, a melhor equipe da época, para realizar alguns amistosos Brasil a fora. Mesmo contando com um grande poderio técnico, o Paulistano fez questão de contar com os dois atletas santistas.
No ano seguinte, foi novamente emprestado, dessa vez para o Paraná Sport Club, onde disputou a 1º edição do Campeonato Paranaense, sendo vice-campeão estadual.
Com o Santos, foi Bicampeão Santista de 1913 e 1915.
Devido a sua grandiosa técnica, foi convocado pela 1º vez para a Seleção Brasileira em 1914, e formou nas primeiras grandes equipes do selecionado brasileiro. Em sua primeira convocação, conquistou o título da Copa Rocca, em cima da Argentina, em Buenos Aires.
Foi também um dos principais atletas no Sul-americano de 1917, e no Sul-americano de 1919, inclusive no ultimo, sagrou-se Campeão, o 1º título oficial da Seleção do Brasil, ao lado dos santistas Haroldo Domingues e Arnaldo Silveira.
Ao todo, atuou na Seleção de 1914-1919, com 8 partidas disputadas.
Adolpho Millon foi de crucial importância na história do clube, e deixou algumas marcas eternizadas:
• Fundador do Santos FC;
• Participou do primeiro jogo da história do Santos FC;
• Autor do 1º gol da história da Vila Belmiro;
• Destaque nos títulos santistas de 1913-1915;
• Um dos 1º atletas santistas a serem convocados para a Seleção Brasileira;
• Formou nas primeiras equipes da Seleção Brasileira;
• Dos 4 primeiros jogos da história da Seleção Brasileira, atuou em 3, com exceção ao 1º jogo;
• Campeão da 1º Copa Rocca, em 1914, com a Seleção Brasileira;
• Campeão do 1º Sul-americano, em 1919, com a Seleção Brasileira;
Enquanto esteve em atividade, foi um dos maiores dianteiros brasileiros da época.
Adolpho Millon encerrou sua carreira precocemente, em 1922 aos 27 anos de idade.
Faleceu no dia 7 de maio de 1929, aos 34 anos de idade, em Salvador, na capital baiana.

• Jogos e gols:
1912 – 01 jogo e 01 gol;
1913 – 11 jogos e 12 gols;
1914 – 06 jogos e 04 gols;
1915 – 11 jogos e 07 gols;
1916 – 14 jogos e 05 gols;
1917 – 16 jogos e 04 gols;
1918 – 20 jogos e 05 gols;
1919 – 11 jogos e 03 gols;
1920 – 11 jogos e 02 gols;
1921 – 14 jogos e 03 gols;
1922 – 01 jogo e 01 gols;
Total: 116 jogos e 47 gols
Títulos pelo Santos:
1913 – Campeonato Santista
1915 – Campeonato Santista
Fichas Técnicas:
15/09/1912 – Santos 3 x 2 Santos Athetic Club
Gols: Arnaldo Silveira [2] e Adolpho Millon; Lee [2].
Local: Avenida Ana Costa (Campo do CA Internacional), em Santos.
Competição: Amistoso
Horário: 14h30
Santos: Julien Fauvel; Sidnei e Arantes; Ernani, Oscar e Montenegro; Adolpho Millon, Hugo, Nilo, Simon e Arnaldo Silveira. (Belmarço jogou)
SAC: Parsons; Kent e Deweck; Wood, Seddon e Lee; Saul, De Saone, Allen, V. Cross e H. Cross
– Primeiro jogo da história do Santos e estreia de Adolpho
22/10/1916 – Santos 2 x 1 Ypiranga
Gols: Adolpho Millon e Jarbas; Formiga.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Público: 2.000 aproximadamente
Competição: Campeonato Paulista
Árbitro: Hermann Friese
Santos: Odorico; Américo e Arantes; Pereira, Oscar e Junqueira; Adolpho Millon, Marba, Tedesco, Jarbas e Arnaldo Silveira
Ypiranga: Dionísio; Dario e Ferreira; Loschiavo, Jacintho e Peres II; Hugo, Ary, Bororó, Peres e Formiga
– Adolpho foi o autor do 1º gol da história da Vila Belmiro
26/03/1922 – AA Botucatuense 1 x 1 Santos
Gols: Millon – Paulo
Local: Estádio Antonio Dalmanto, em Botucatu, São Paulo.
Competição: Amistoso (Taça Dr Gabriel Guimarães Jr)
Árbitro: Nestor Pedroso
SFC: Randolpho; Waldemar e Paulino; Rosa, Gama e Rosas; Adolpho Millon, Constantino, Cadete, Apparício e Edgard.
AAB: Não informado
– Ultimo jogo e ultimo gol de Adolpho Millon
Fontes e Referências:
Centro de Memória e Estatísticas do Santos FC;
Almanaque do Santos FC;
Álbum de ouro do Santos FC;
Livro “Santos 100 anos, 100 jogos e 100 ídolos”;

One Response to Adolpho Millon – 1912-1922

  1. Pingback: Acervo Histórico do Santos FC | 44 jogadores do Santos FC já atuaram contra a Argentina; confira a lista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *