Alessandro – 1996-1999

Published On 16/11/2015 | Ex-Atletas
Por Gabriel Santana
Santos, 16/11/2015
Atualizado, 27/05/2017

Nome completo – Alessandro Andrade de Oliveira
Período – 1996-1999
Posição – Atacante
Nascimento – 27 de maio de 1973, em Teixeira de Freitas, Bahia.
Jogos – 117
Gols – 34

Histórico – Revelado pelo Novorizontino, Alessandro foi contratado pelo Santos em 1996, após boa passagem pelo Vasco. Conhecido como “Alessandro Cambalhota”, por comemorar seus gols com cambalhotas e piruetas, foi responsável direto pelo Título do Torneio Rio-São Paulo, anotando um dos gols do primeiro jogo da final, diante do Flamengo.
Pouco depois da conquista, Alessandro foi emprestado ao Júbilo Iwata/JAP, onde ficou apenas uma temporada, retornando em 1998 ao time de Vila Belmiro, para mais uma vez, ser campeão. Foi também um dos principais jogadores da campanha vitoriosa da Copa Conmebol, e criou um grande carisma com a torcida.
Muito valorizado, deixou o clube em 1999, para atuar no Porto/POR.
Encerrou sua carreira em 2012, no clube onde começou, o Novorizontino.

PRIMEIRO GOL
04/09/1996 – Santos 1 x 1 Juventude
Gols: Alessandro aos 10 minutos e Zé Renato aos 25 minutos do segundo tempo.
Local: Estádio Ícaro de Castro Mello (Ibirapuera), em São Paulo.
Competição: Campeonato Brasileiro
Público: 6.704 pagantes
Renda: R$ 72,480
Árbitro: Jorge Travasso
Santos: Edinho; Valdir (Gustavo Nery), Jean, Narciso e Marcos Adriano; Baiano, Carlinhos, Robert e Piá (Alessandro); Camanducaia e Jamelli (Cuca). Técnico: José Teixeira
Juventude: Márcio; Sérgio, Picolli, Índio e Paulo Sérgio; Flávio (Zé Renato), Daniel Frasson, Lauro e Adaílton; Wallace (Carlinhos) e Fernando Carlos. Técnico: Geninho
1º JOGO DA FINAL DO RIOXSP
04/02/1997 – Santos 2 x 1 Flamengo
Gols: Alessandro aos 6min e Macedo aos 29min do primeiro tempo; Marcelo Ribeiro aos 40min do segundo tempo.
Árbitro: Cláudio Vinícius Cerdeira (RJ)
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo.
Competição: Torneio Rio-São Paulo
Público: 24.236 pagantes
Renda: R$ 296.016
Cartão amarelo: Robert, Marcos Assunção, Anderson e Fabiano
Santos: Zetti; Anderson Lima, Sandro, Ronaldão e Rogério Seves; Marcos Assunção. Vágner, Alexandre (Caíco) e Robert (Baiano); Macedo (Piá) e Alessandro. Técnico: Vanderlei Luxemburgo
Flamengo: Zé Carlos; Fábio Baiano, Júnior Baiano, Fabiano e Gilberto (Leonardo); Moacir (Marcelo Ribeiro), Bruno Quadros, Lúcio (Iranildo) e Nélio; Romário e Sávio. Técnico: Júnior

• Jogos e gols marcados:
1996 – 25 jogos e 9 gols
1997 – 28 jogos e 12 gols
1998 – 36 jogos e 4 gols
1999 – 28 jogos e 9 gols
Total – 117 jogos e 34 gols

Fontes e Biografias:
Almanaque do Santos, de Guilherme Nascimento;
Historiador Wesley Miranda;
Jornal “Folha de São Paulo”;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *