Campeonato Brasileiro – 1972

Published On 02/05/2014 | Campeonato Brasileiro
1º FASE
09/09 – Botafogo 1 x 1 Santos – Gol: Edu; Maracanã
13/09 – Sergipe 0 x 1 Santos – Gol: Pelé; Batistão
17/09 – Vitória 1 x 0 Santos; Fonte Nova
20/09 – Coritiba 0 x 0 Santos; Belfort Duarte
24/09 – Fluminense 2 x 1 Santos – Gol: Edu; Maracanã
28/09 – Santos 1 x 0 São Paulo – Gol: Adílson; Pacaembu
01/10 – CRB 1 x 3 Santos – Gols: Carlos Alberto, Roberto Carlos e Orlando Lelé; Rei Pelé
04/10 – Náutico 1 x 1 Santos – Gol: Zé Carlos; Arruda
08/10 – Internacional 0 x 0 Santos; Beira Rio
11/10 – Cruzeiro 2 x 0 Santos; Mineirão
14/10 – Santos 3 x 2 Grêmio – Gols: Edu [2] e Nenê; Pacaembu
19/10 – América-RJ 0 x 2 Santos – Gols: Alcindo e Nenê; Maracanã
22/10 – Vasco 1 x 1 Santos – Gol: Alcindo; Maracanã
25/10 – Palmeiras 0 x 1 Santos – Gol: Pelé; Pacaembu
29/10 – Bahia 0 x 2 Santos – Gols: Nenê e Edu; Fonte Nova
01/11 – América-MG 1 x 1 Santos – Gol: Orlando Lelé; Mineirão
05/11 – Remo 1 x 1 Santos – Gol: Alcindo; Evandro de Almeida
08/11 – Nacional-AM 0 x 0 Santos; Vivaldo Lima
12/11 – Portuguesa 2 x 0 Santos; Pacaembu
16/11 – Atlético-MG 0 x 1 Santos – Gol: Nenê; Mineirão
19/11 – Santa Cruz 2 x 4 Santos – Gols: Jair da Costa [2], Edu e Pelé; Arruda
23/11 – Santos 0 x 0 Flamengo; Pacaembu
26/11 – Santos 4 x 0 Corinthians – Gols: Nenê [2], Clodoaldo e Edu; Morumbi
29/11 – ABC-RN 0 x 2 Santos – Gols: Pelé e Edu; Lagoa Nova
03/12 – Ceará 2 x 1 Santos – Gol: Pelé; Presidente Vargas
Campanha: 1º Lugar no grupo D; 25 Jogos; 11 Vitórias; 09 Empates; 05 Derrotas; 31 GP; 19 GC; 12 SG
2º FASE
09/12 – Santos 2 x 0 Santa Cruz – Gols: Jair da Costa e Carlos Alberto; Pacaembu
14/12 – Santos 0 x 1 Grêmio; Pacaembu
18/12 – Botafogo 2 x 1 Santos – Gol: Nenê; Maracanã
Campanha: 3º Lugar no grupo 4; 03 Jogos; 01 Vitórias; 02 Derrotas; 03 GP;
03 GC; 00 SG
Campanha Final: 8º Lugar; 28 Jogos; 12 Vitórias; 09 Empates; 07 Derrotas; 34 GP; 22 GC; 12 SG
Artilheiros
08 Gols: Edu
07 Gols: Nenê
05 Gols: Pelé
03 Gols: Alcindo e Jair da Costa
02 Gols: Orlando e Carlos Alberto
01 Gol: Clodoaldo, Adílson, Roberto Carlos e Zé Carlos
Fichas Técnicas:
09/09/1972 – Botafogo 1 x 1 Santos
Gols: Marcinho Perez Chagas aos 13min e Edu aos 33min do segundo tempo.
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro
Público: 25.322 pagantes
Renda: Cr$ 163.513,00
Árbitro: José Carlos Cavalheiro de Moraes
Botafogo: Cao; Luis Claudio, Brito, Valtencir e Marinho Perez Chagas; Carlos Roberto e Nei; Zequinha, Jairzinho, Fischer (Ferreti) e Dorinho. Técnico: Tim
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Paulo, Vicente e Zé Carlos; Clodoaldo e Afonsinho; Roberto Carlos (Ferreira), Alcindo, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
13/09/1972 – Sergipe 0 x 1 Santos
Gol: Pelé aos 22min do primeiro tempo.
Local: Estádio Batistão, em Sergipe, Aracajú.
Público: 18.735 pagantes
Renda: Cr$ 90.622,00
Árbitro: Luís Carlos Félix
Sergipe: Lumumba; João Carlos, Nilo, Raimundo e Joel; Carlinhos e Naninho; Cipó (Fernando), Adãozinho (Paulo Sérgio), Zé Pequeno e Leal. Técnico: Dequinha
Santos: Edevar; Carlos Alberto, Paulo, Vicente e Zé Carlos; Clodoaldo e Afonsinho (Léo Oliveira); Roberto Carlos, Alcindo, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
17/09/1972 – Vitória 1 x 0 Santos
Gol: Almiro aos 8min do primeiro tempo.
Local: Estádio Fonte Nova, em Salvador, Bahia.
Público: 38.340 pagantes
Renda: Cr$ 276.650,00
Árbitro: José de Assis Aragão
Vitória: Agnaldo; Luis Mota, Luis Rangel, Valter e França; Fernando e Marquinhos; Osni, Almiro, André Catimba (Gibira) e Mário Sérgio (Luciano). Técnico: Jorge Vieira
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Paulo, Vicente e Zé Carlos; Clodoaldo e Afonsinho (Léo Oliveira); Roberto Carlos (Adílson), Alcindo, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
20/09/1972 – Coritiba 0 x 0 Santos
Local: Estádio Belfort Duarte, em Curitiba, Paraná.
Renda: Cr$ 155.655,00
Árbitro: Arnaldo César Coelho
Coritiba: Jairo; Hermes, Pescuma, Cláudio e Nilo; Dreyer e Leocádio; Flecha, Hélio Pires (Paquito), Zé Roberto e Dirceu. Técnico: Lanzoninho
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Carlos Alberto, Oberdan e Zé Carlos; Clodoaldo e Afonsinho; Edu, Alcindo (Adílson), Brecha e Ferreira. Técnico: Pepe
24/09/1972 – Fluminense 2 x 1 Santos
Gols: Jair aos 20min e Edu aos 42min do primeiro tempo; Lula aos 37min do segundo tempo.
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro.
Público: 22.764 pagantes
Renda: Cr$ 167.707,00
Árbitro: Armando Marques
Fluminense: Félix; Toninho, Silveira, Assis e Marco Antonio; Denílson e Didi (Artime); Rubens Galaxie, Cafuringa, Jair e Lula. Técnico: Pinheiro
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Carlos Alberto, Oberdan e Zé Carlos; Clodoaldo e Afonsinho; Edu, Brecha (Léo Oliveira), Pelé e Ferreira. Técnico: Pepe
28/09/1972 – Santos 1 x 0 São Paulo
Gols: Adilson aos 33min do primeiro tempo.
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 12.440 pagantes
Renda: Cr$ 97.755,00
Árbitro: Dulcídio Vanderlei Boschilia
Expulso: Terto (São Paulo)
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Carlos Alberto, Oberdan e Zé Carlos; Léo Oliveira e Afonsinho; Roberto Carlos, Adílson, Brecha e Edu. Técnico: Pepe
São Paulo: Vanderlei; Forlan (Nelsinho Batista), Samuel, Arlindo e Gilberto Sorriso; Edson e Teodoro; Paulo Nani (Wilton), Terto, Toninho Guerreiro e Zé Carlos. Técnico: Vail Mota
01/10/1972 – CRB 1 x 3 Santos
Gols: Carlos Alberto aos 42min do primeiro tempo; Roberto Carlos aos 10min, Orlando Lelé aos 15min e Canavieira aos 34min do segundo tempo.
Local: Estádio Rei Pelé, em Maceió, Alagoas.
Público: 19.265 pagantes
Renda: Cr$ 93.649,00
Árbitro: José Luís Barreto
CRB: Vermelho; Gato Preto, Major, Roberto Menezes e Ademir; Alves e Valter; Mano (Canavieira), Reinaldo, Rubem Salim (Zequinha) e Silva. Técnico: Danilo Alvim
Santos: Cláudio (Joel Mendes); Orlando Lelé, Carlos Alberto, Oberdan (Marçal) e Zé Carlos; Léo Oliveira e Afonsinho; Roberto Carlos, Adílson, Brecha e Edu. Técnico: Pepe
04/10/1972 – Náutico 1 x 1 Santos
Gols: Zé Carlos aos 37min do primeiro tempo; Paulinho aos 42min do segundo tempo.
Local: Estádio Arruda, em Recife, Pernambuco.
Público: 10.412 pagantes
Renda: Cr$ 59.068,00
Árbitro: José Marçal Filho
Expulso: Ferreira (Santos)
Náutico: Lula; Gena (Borges), Gílson, Sidclei e Zé Júlio; João Paulo e Cordeiro; Paulinho, Paraguaio, Alan Cole (Galdino) e Elói. Técnico: Gradim
Santos: Cláudio; Orlando Lelé (Paulo), Carlos Alberto, Oberdan e Zé Carlos; Léo Oliveira e Afonsinho; Roberto Carlos, Adílson (Ferreira), Nenê e Edu. Técnico: Pepe
08/10/1972 – Internacional 0 x 0 Santos
Local: Estádio Beira Rio, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul.
Renda: Cr$ 220.026,00
Árbitro: Arnaldo César Coelho
Internacional: Schneider; Hermínio, Figueroa, Pontes e Jorge Andrade; Tovar e Paulo César Carpegianni; Valdomiro, Sérgio (Volmir), Claudiomiro (Garcia) e Escurinho. Técnico: Dino Sani
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Carlos Alberto, Oberdan e Zé Carlos; Léo Oliveira e Afonsinho; Jair da Costa, Alcindo (Adilson), Nenê e Edu. Técnico: Pepe
11/10/1972 – Cruzeiro 2 x 0 Santos
Gols: Orlando Lelé (c) e Roberto Batata.
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte.
Público: 19.262 + 2.245 menores (21.507 pessoas)
Renda: Cr$ 103.815,00
Árbitro: José de Assis Aragão
Cruzeiro: Raul; Lauro, Darci, Fontana e Vanderley; Piazza (Rinaldo) e Zé Carlos; Eduardo, Roberto Batata (Baiano), Palhinha e Lima. Técnico: Ílton Chaves
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Carlos Alberto, Oberdan e Zé Carlos; Léo Oliveira e Afonsinho; Jair da Costa (Jader), Alcindo, Nenê (Adilson) e Edu. Técnico: Pepe
14/10/1972 – Santos 3 x 2 Grêmio
Gols: Edu [2] e Nenê; Oberti [2]
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 15.896 pagantes
Renda: Cr$ 100.648,00
Árbitro: Valquir Pimentel
Expulso: Carlos Alberto (Santos)
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Carlos Alberto, Oberdan e Zé Carlos; Léo Oliveira e Nenê; Jair da Costa (Paulo), Alcindo, Adílson e Edu. Técnico: Pepe
Grêmio: Jair; Everaldo, Anchetta, Beto Fuscão e Tabajara; Jadir e Carlos Alberto; Buião (Marcos), Oberti, Laírton e Loivo. Técnico: Daltro Menezes
19/10/1972 – América-RJ 0 x 2 Santos
Gols: Alcindo aos 9min e Nenê aos 42min do primeiro tempo.
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro.
Público: 5.196 pagantes
Renda: Cr$ 32.100,00
Árbitro: Sílvio Gonçalves David
Expulso: Aldeci (América)
América-RJ: Ubirajara; Tereso, Alex, Aldeci e Alvanir; Badeco e Edu; Antonio Carlos, Tarciso (Gilmar), Ivair e Mauro (Tião). Técnico: Wilson Santos
Santos: Cláudio (Joel Mendes); Orlando Lelé, Paulo, Oberdan e Zé Carlos; Léo Oliveira e Nenê; Jair da Costa (Roberto Carlos), Alcindo, Adílson e Edu. Técnico: Pepe
22/10/1972 – Vasco 1 x 1 Santos
Gols: Alcindo aos 15min e Alfinete aos 30min do segundo tempo.
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro.
Público: 18.809 pagantes
Renda: Cr$ 124.249,00
Árbitro: Saul Mendes
Vasco: Andrada; Fidélis, Joel Santana, Renê e Alfinete; Alcir e Buglê (Suingue); Jorginho, Silva, Tostão e Pastori (Dé). Técnico: Mário Travaglini
Santos: Cláudio (Joel Mendes); Orlando Lelé, Carlos Alberto, Oberdan e Zé Carlos; Léo Oliveira e Afonsinho; Jair da Costa, Adílson, Nenê (Alcindo) e Edu.
Técnico: Pepe
25/10/1972 – Palmeiras 0 x 1 Santos
Gol: Pelé aos 29min do primeiro tempo.
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 51.741 pagantes
Renda: Cr$ 395.426,00
Árbitro: Emidio Marques Mesquita
Palmeiras: Leão; Eurico, Luis Pereira, Alfredo e Zeca; Dudu e Ademir da Guia (Madruga); Ronaldo (Edu), Leivinha, Fedato e Nei. Técnico: Osvaldo Brandão
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Carlos Alberto, Oberdan e Zé Carlos; Léo Oliveira e Afonsinho; Jair da Costa (Roberto Carlos), Nenê, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
29/10/1972 – Bahia 0 x 2 Santos
Gols: Nenê aos 25min e Edu aos 46min do segundo tempo.
Local: Estádio Fonte Nova, em Salvador, Bahia.
Público: 38.361 pagantes
Renda: Cr$ 268.085,00
Árbitro: José Luís Barreto
Bahia: Buticce; Odair, Onça, Mário Braga e Paulo Henrique; Baiaco e Eliseu; Natal, Amorim, Picolé e Gílson Porto (Douglas).
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Carlos Alberto, Oberdan e Zé Carlos; Léo Oliveira e Afonsinho; Jair da Costa (Roberto Carlos), Nenê, Pelé (Adílson) e Edu. Técnico: Pepe
01/11/1972 – América-MG 1 x 1 Santos
Gols: Tião aos 3min e Orlando Lelé aos 25min do segundo tempo.
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte, Minas Gerais.
Público: 5.213 pagantes
Renda: Cr$ 28.465,00
Árbitro: José de Assis Aragão
Expulso: Cláudio (América)
América-MG: Élcio; Augusto, Vander, Luis Alberto e Cláudio; Pedro Omar e Juca Show; Eli, Hélio (Alemão), Iaúca (Cândido) e Tião. Técnico: Yustrich
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Paulo, Oberdan e Zé Carlos; Léo Oliveira e Afonsinho; Jair da Costa (Ferreira), Alcindo (Adílson), Nenê e Edu. Técnico: Pepe
05/11/1972 – Remo 1 x 1 Santos
Gols: Alcino aos 13min e Alcindo aos 20min do segundo tempo.
Local: Estádio Evandro de Almeida, em Belém, Pará.
Público: 12.763 pagantes
Renda: Cr$ 105.686,00
Árbitro: José de Assis Aragão
Remo: Dico; Aranha, Mendes, Dutra e Cuca; Tito e Hertz (Silva); Copeu, Caíto, Vágner (Alcino) e Peri. Técnico: François
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Paulo, Oberdan e Zé Carlos; Clodoaldo, Nenê e Afonsinho (Léo Oliveira); Roberto Carlos, Alcindo (Adílson) e Edu. Técnico: Pepe
08/11/1972 – Nacional-AM 0 x 0 Santos
Local: Estádio Vivaldo Lima, em Manaus, Amazonas.
Público: 20.304 pagantes
Renda: Cr$ 101.536,00
Árbitro: Sebastião Rufino
Expulso: Edu (Santos)
Nacional-AM: Édson Borracha; Mesquita, Jurandir, Café e Nelson Souza; Jorginho e Danival; Ismael (Luís Carlos), Pedrilho, Campos e Reis. Técnico: Paulo Emílio
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Paulo, Oberdan e Zé Carlos; Clodoaldo e Afonsinho; Roberto Carlos (Brecha), Alcindo (Adílson), Nenê e Edu. Técnico: Pepe
12/11/1972 – Portuguesa 2 x 0 Santos
Gols: Tatá e Dicá.
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 17.001 pagantes
Renda: Cr$ 115.200,00
Árbitro: José Faville Neto
Portuguesa: Miguel; Deodoro (Cardoso), Dárcio, Calegari e Isidoro; Sérgio Lopes e Dicá; Xaxá, Enéas, Tatá (Didi) e Feitosa. Técnico: Cilinho
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Paulo, Oberdan e Zé Carlos; Clodoaldo e Afonsinho (Adílson); Roberto Carlos, Nenê, Pelé e Ferreira. Técnico: Pepe
16/11/1972 – Atlético-MG 0 x 1 Santos
Gol: Nenê aos 32min do segundo tempo.
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte, Minas Gerais.
Público: 31.820 pagantes + 2.926 menores (34.746 pessoas)
Renda: Cr$ 216.125,00
Árbitro: Arnaldo César Coelho
Atlético-MG: Mazurkiewicz; Zé Maria, Grapete, Vantuir e Cláudio; Vanderlei e Bibi; Guará (Ângelo), Dario, Lola e Serginho. Técnico: Telê Santana
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Vicente, Oberdan e Zé Carlos; Clodoaldo e Léo Oliveira; Roberto Carlos, Nenê (Brecha), Pelé e Edu. Técnico: Pepe
19/11/1972 – Santa Cruz 2 x 4 Santos
Gols: Edu aos 8min, Fernando Santana aos 31min e Betinho aos 44min do primeiro tempo; Jair da Costa aos 8min e aos 35min e Pelé aos 30min do segundo tempo.
Local: Estádio Arruda, em Recife, Pernambuco.
Público: 32.408 pagantes
Renda: Cr$ 188.305,00
Árbitro: José Luís Barreto
Santa Cruz: Dentinho; Louro, Sapatão, Paulo Ricardo e Botinha; Zito e Luciano; Betinho, Fernando Santana, Ramón e Givanildo. Técnico: Evaristo de Macedo
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Carlos Alberto, Vicente e Zé Carlos (Turcão); Clodoaldo e Léo Oliveira (Brecha); Jair da Costa, Nenê, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
23/11/1972 – Santos 0 x 0 Flamengo
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 18.381 pagantes
Renda: Cr$ 131.812,00
Árbitro: Agomar Martins
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Carlos Alberto (Paulo), Vicente e Zé Carlos; Clodoaldo e Brecha; Jair da Costa (Adílson), Nenê, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
Flamengo: Renato; Moreira, Chiquinho, Fred e Rodrigues Neto; Liminha e Paulo César Caju; Fio, Caio (Zico), Doval e Arílson (Mineiro). Técnico: Zagallo
26/11/1972 – Santos 4 x 0 Corinthians
Gols: Clodoaldo aos 10min, Nenê aos 23min e aos 26min e Edu aos 29min do segundo tempo.
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo.
Público: 58.715
Renda: Cr$ 437.966,00
Arbitro: Armando Marques
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Carlos Alberto Torres, Vicente e Zé Carlos (Turcão); Clodoaldo e Brecha; Jair da Costa, Nenê, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
Corinthians: Ado; Zé Maria, Vágner, Luis Carlos (Baldochi) e Pedrinho; Tião e Rivelino; Paulo Borges, Sicupira, Mirandinha e Marco Antonio (Aladim). Técnico: Duque
29/11/1972 – ABC-RN 0 x 2 Santos
Gols: Pelé aos 3min e Edu aos 10min do segundo tempo.
Local: Estádio Lagoa Nova, em Natal, Rio Grande do Norte.
Público: 49.150 pagantes (53.320 pessoas)
Renda: Cr$ 178.842,00
Árbitro: Sebastião Rufino
ABC: Tião; Sabará, Edson, Quelé e Anchieta (Preta); Maranhão e Orlando; Libânio, Alberi, Baltasar (Everaldo) e Petinha. Técnico: Célio Souza
Santos: Cláudio; Turcão, Vicente, Paulo e Murias; Léo Oliveira e Afonsinho; Jair da Costa, Brecha (Pitico), Pelé (Adílson) e Edu. Técnico: Pepe
03/12/1972 – Ceará 2 x 1 Santos
Gols: Pelé aos 11min do primeiro tempo; Samuel aos 17min e Da Costa aos 30min do segundo tempo.
Local: Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, Ceará.
Público: 35.752 pagantes + 2.321 não pagantes (38.173 pessoas)
Renda: Cr$ 207.571, 00
Árbitro: Carlos Costa
Ceará: Hélio Show; Paulo Tavares, Odélio, Mauro Calixto e Dimas Filgueiras; Edmar e Joãozinho; Nado, Jorge Costa, Samuel e Da Costa. Técnico: Ivonísio Mosca
Santos: Joel Mendes; Turcão, Paulo, Altivo e Murias (Vicente); Léo Oliveira e Afonsinho (Edu); Roberto Carlos, Pitico, Pelé e Ferreira. Técnico: Pepe
09/12/1972 – Santos 2 x 0 Santa Cruz
Gols: Jair da Costa aos 27min do primeiro tempo; Carlos Alberto aos 10min do segundo tempo.
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 27.210 pagantes
Renda: Cr$ 182.256,00
Árbitro: José Luís Barreto
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Carlos Alberto, Oberdan e Zé Carlos (Turcão); Clodoaldo, Brecha (Léo Oliveira), Jair da Costa, Nenê, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
Santa Cruz: Gilberto; Louro, Rivardo, Paulo Ricardo e Botinha; Zito e Luciano; Hamílton (Erb), Betinho, Fernando Santana (Ramón) e Givanildo. Técnico: Evaristo de Macedo
14/12/1972 – Santos 0 x 1 Grêmio
Gol: Obberti aos 38min do primeiro tempo.
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 68.961 pagantes
Renda: Cr$ 505.968,00
Árbitro: Arnaldo César Coelho
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Carlos Alberto, Oberdan e Zé Carlos; Clodoaldo e Afonsinho; Jair da Costa (Alcindo), Nenê, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
Grêmio: Picasso; Espinosa, Ancheta, Beto e Jorge Tabajra; Carlos Alberto e Paulo Sérgio; Carlinhos (Buião), Obberti, Mazinho e Loivo. Técnico: Minto Martins Kuelle
18/12/1972 – Botafogo 2 x 1 Santos
Gols: Zequinha aos 44min e Nenê aos 45min do primeiro tempo; Fischer aos 43min do segundo tempo.
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro.
Público: 38.569 pagantes
Renda: Cr$ 312.560,00
Árbitro: Sebastião Rufino
Botafogo: Wendell; Valtencir, Brito, Osmar e Marinho Perez Chagas; Carlos Roberto e Nei; Zequinha (Ferreti), Jairzinho, Fischer e Ademir (Dorinho). Técnico: Sebastião Leônidas
Santos: Cláudio; Orlando Lelé, Carlos Alberto, Oberdan e Zé Carlos; Clodoaldo e Afonsinho (Léo Oliveira); Jair da Costa (Alcindo), Nenê, Pelé e Edu. Técnico: Pepe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *