Campeonato Paulista – 1973

Published On 02/04/2015 | Campeonato Paulista, Títulos
Por Gabriel Santana
Santos, 02/04/2015
Atualizado, 26/08/2016

Pela 13º vez, o Santos sagrou-se Campeão Paulista, em uma final tumultuada, com grande erro da arbitragem nas cobranças de pênaltis.
Esse título estadual também representou o último Título do Rei Pelé com a camisa do Santos.

1º TURNO
21/03 – Santos 0 x 0 Ferroviária; Vila Belmiro
25/03 – São Paulo 2 x 2 Santos – Gols: Pelé e Brecha; Parque Antártica
04/04 – Santos 6 x 0 Juventus – Gols: Pelé [2], Euzébio, Manoel Maria e Brecha [2]; Vila Belmiro
08/04 – Santos 1 x 0 Portuguesa – Gol: Euzébio; Morumbi
14/04 – Santos 1 x 0 São Bento – Gol: Manoel Maria; Vila Belmiro
18/04 – Santos 1 x 0 América – Gol: Marinho Perez; Vila Belmiro
22/04 – Guarani 0 x 1 Santos – Gol: Alcindo; Brinco de Ouro
29/04 – Corinthians 0 x 3 Santos – Gols: Pelé [2] e Brecha; Morumbi
06/05 – Palmeiras 1 x 1 Santos – Gol: Pelé; Morumbi
13/05 – Botafogo 1 x 2 Santos – Gols: Jair da Costa e Alcindo; Santa Cruz
20/05 – Santos 5 x 1 Ponte Preta – Gols: Euzébio [3] e Pelé [2]; Vila Belmiro
Campanha 1º Turno:
1º Lugar – 11 jogos – 08 vitórias – 03 empates – 23 GP – 05 GC – 18 SG
2º TURNO
08/07 – Santos 2 x 0 Botafogo – Gols: Brecha e Pelé; Vila Belmiro
15/07 – São Bento 0 x 1 Santos – Gol: Brecha; Vila Belmiro
22/07 – Santos 1 x 1 Corinthians – Gol: Pelé; Morumbi
26/07 – Juventus 0 x 0 Santos; Pacaembu
29/07 – Santos 0 x 0 São Paulo; Morumbi
05/08 – América 0 x 1 Santos – Gol: Euzébio; Mário Alves Mendonça
08/08 – Portuguesa 1 x 0 Santos; Pacaembu
12/08 – Santos 0 x 1 Palmeiras; Morumbi
15/08 – Santos 1 x 0 Guarani – Gol: Pelé; Vila Belmiro
19/08 – Ponte Preta 2 x 1 Santos – Gol: Edu; Moisés Lucarelli
22/08 – Ferroviária 1 x 1 Santos – Gol: Cláudio Adão; Fonte Luminosa
Campanha 2º Turno:
5º Lugar – 11 jogos – 04 vitórias – 04 empates – 03 derrotas – 08 GP – 06 GC – 02 SG
FINAL
26/08 – Portuguesa 0 (0) x (2) 0 Santos
– Ambos foram declarados campeões, devido ao erro do árbitro na contagem das cobranças de pênaltis.
Campanha Final:
Campeão – 23 jogos – 12 vitórias – 08 empates – 03 derrotas – 31 GP – 11 GC – 20 SG
Artilheiros:
11 Gols: Pelé
06 Gols: Brecha e Euzébio
02 Gols: Manoel Maria e Alcindo
01 Gol: Marinho Perez, Jair da Costa, Edu e Cláudio Adão

Fichas Técnicas:
21/03/1973 – Santos 0 x 0 Ferroviária
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Público: 7.186 pagantes
Renda: Cr$ 59.994,00
Árbitro: José de Assis Aragão.
Santos: Claudio; Hermes, Vicente, Marçal e Murias; Clodoaldo, Nenê e Brecha (Ferreira); Jair da Costa, Alcindo (Euzébio) e Edu. Técnico: Pepe
Ferroviária: Sergio; Batalhão, Carlos, Ticão e Zé Carlos; Ademir e Mario Augusto; Tonho, Zé Luis, João Marques (Reinaldo) e Guará (Marinho). Técnico: Carlos Alberto
25/03/1973 – São Paulo 2 x 2 Santos
Gols: Pelé e Brecha; Paulo e Pedro Rocha (pênalti)
Local: Estádio “Palestra Itália”, Parque Antártica, em São Paulo.
Público: 33.621 pagantes
Renda: Cr$ 350.892,00
Árbitro: Oscar Scolfaro.
São Paulo: Sergio; Osmar, Paranhos (Arlindo), Dias e Gilberto; Edson e Pedro Rocha; Paulo (Toninho), Terto, Zé Carlos e Paraná. Técnico: Telê Santana
Santos: Claudio; Hermes, Carlos Alberto, Marçal e Murias; Clodoaldo (Léo Oliveira) e Brecha (Euzébio); Jair da Costa, Nenê, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
04/04/1973 – Santos 6 x 0 Juventus
Gols: Pelé [2], Brecha [2], Euzébio e Manoel Maria
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Público: 8.035 pagantes
Renda: Cr$ 66.523,00
Árbitro: Dulcidio Wanderley Boschilia.
Santos: Cejas; Hermes, Marinho Perez, Carlos Alberto e Murias; Pitico, Brecha e Nenê (Claudio Adão); Manoel Maria, Pelé e Edu (Euzébio). Técnico: Pepe
Juventus: Sergio Gomes, Deodoro, Carlos, Oscar e Chiquinho; Maurinho e Adnã; Luis Antonio, Tanesi, Vanderlei e Antoninho. Técnico: Milton Buzetto
08/04/1973 – Santos 1 x 0 Portuguesa
Gol: Euzébio aos 24min do primeiro tempo.
Público: 16.358 pagantes
Renda: Cr$ 140.302,00
Árbitro: José de Assis Aragão.
Santos: Cejas; Hermes, Marinho Perez, Carlos Alberto e Altivo; Brecha e Pitico; Manoel Maria, Euzébio, Pelé (Adilson) e Edu. Técnico: Pepe
Portuguesa: Miguel; Humberto Monteiro, Pescuma, Calegari e Isidoro; Badeco e Dicá (Luisinho); Didi (Eneas), Basílio, Tatá e Da Costa. Técnico: Oto Glória
14/04/1973 – Santos 1 x 0 São Bento
Gol: Manoel Maria aos 10min do primeiro tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Público: 7.886 pagantes
Renda: Cr$ 59.951,00
Árbitro: Nilson Cardoso Bilha.
Santos: Cejas; Hermes, Marinho Perez, Carlos Alberto e Altivo; Clodoaldo (Pitico) e Brecha; Manoel Maria, Adilson (Alcindo), Euzébio e Edu. Técnico: Pepe
São Bento: Luis Antonio; Nei, Henrique, Edson e Fernando; Roberto e Paraguaio; Claudino, Adão (Nei Silva), Nenê e Bozó. Técnico: Gibe
18/04/1973 – Santos 1 x 0 América
Gol: Marinho Perez aos 44min do primeiro tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Público: 10.335 pagantes
Renda: Cr$ 85.7 46,00
Árbitro: Edson Walter Pantozzi,
Santos: Cejas; Hermes (Turcão), Carlos Alberto, Marinho Perez e Altivo; Clodoaldo e Brecha (Pitico); Manoel Maria, Euzébio, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
America: Marcos; Paulinho, Dobreu, Jair e Geraldo (Nelson Brandi); Xisté e Didi; Zuza, Wilson, Gilberto e Mazinho. Técnico: Wilson Francisco
22/04/1973 – Guarani 0 x 1 Santos
Gol: Alcindo aos 32min do segundo tempo.
Local: Estádio Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas, São Paulo.
Público: 22.903 pagantes
Renda: Cr$ 219.114,00
Árbitro: Armando Marques,
Guarani: Tobias; Wilson, Amaral, Alberto e Bezerra; Flamarion e Alfredo; Nino,Washington (Eli), Clayton e Mingo. Técnico: Zé Duarte
Santos: Cejas; Vicente, Marinho Perez, Carlos Alberto e Turcão; Clodoaldo e Brecha; Manoel Maria (Jair da Costa), Euzébio (Alcindo), Pelé e Edu. Técnico: Pepe
29/04/1973 – Santos 3 x 0 Corinthians
Gols: Pelé [2] e Brecha
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo.
Público: 78.580 pagantes
Renda: Cr$ 701. 777,00
Árbitro: Oscar Scalfaro
Corinthians: Ado; Zé Maria, Baldochi, Ademir e Miranda; Tião e Rivelino; Vaguinho, Suingue, Mirandinha e Marco Antonio (Lance). Técnico: Duque
Santos: Cejas; Vicente, Marinho Perez, Carlos Alberto e Turcão; Clodoaldo e Brecha; Jair da Costa (Alcindo), Euzébio, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
06/05/1973 – Palmeiras 1 x 1 Santos
Gol: Edu aos 20min e Pelé aos 30min do segundo tempo.
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo.
Público: 92.134 pagantes
Renda: Cr$ 952.132,00
Árbitro: Oscar Scolfaro.
Palmeiras: Leão; Eurico, Luis Pereira, Alfredo e Zeca; Dudu e Ademir da Guia; Edu, Leivinha, Cesar e Nei. Técnico: Osvaldo Brandão
Santos: Cejas; Zé Carlos, Marinho Perez, Vicente e Turcão; Clodoaldo e Brecha; Jair da Costa, Euzébio (Alcindo), Pelé e Edu. Técnico: Pepe
13/05/1973 – Botafogo 1 x 2 Santos
Gols: Nenê aos 25min e Jair da Costa aos 33min do primeiro tempo; Alcindo aos 9min do segundo tempo.
Local: Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, São Paulo.
Público: 28.097 pagantes
Renda: Cr$ 255.502,00
Árbitro: Armando Marques
Botafogo: Elcio; Ferreira, Dagoberto, Manoel e Eraldo; Julio Amaral e Alexandre; Afrânio (Peter), Luis Carlos, Geraldo e Nenê (João Carlos).
Santos: Cejas; Zé Carlos, Marinho Perez, Vicente e Turcão; Clodoaldo e Brecha; Jair da Costa, Euzébio (Alcindo)(Ferreira), Pelé e Edu. Técnico: Pepe
20/05/1973 – Santos 5 x 1 Ponte Preta
Gols: Euzébio [3] e Pelé [2]; Tales
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Público: 19.693 pagantes
Renda: Cr$ 234.300,00
Árbitro: Armando Marques.
Santos: Cejas; Zé Carlos, Marinho Perez, Vicente e Turcão; Clodoaldo e Brecha; Jair da Costa (Manoel Maria), Euzébio (Alcindo), Pelé e Edu. Técnico: Pepe
Ponte Preta: Valdir Peres; Galli, Lima, Valdir Vicente e Valter; Chicão e Serginho; Pedro Paulo (Valdomiro), Môsca, Adilton e Tuta (Tales). Técnico: Alfredo Ramos
08/07/1973 – Santos 2 x 0 Botafogo
Gols: Pelé aos 10min e Brecha aos 25min do segundo tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Público: 9.699 pagantes
Renda: Cr$ 75.786,00
Árbitro: Emidio Marques Mesquita.
Santos: Cejas; Hermes, Vicente (Pitico), Carlos Alberto e Turcão; Clodoaldo e Brecha; Jair da Costa, Léo Oliveira (Helio Pires), Pelé e Ferreira. Técnico: Pepe
Botafogo: Jorge; Ferreira, Manoel, John Paul e Eraldo; Julio Amaral e Alexandre; Afrânio, Maritaca, Geraldo e Ferreirinha (Cunha). Técnico: Vail Mota
15/07/1973 – São Bento 0 x 1 Santos
Gol: Brecha aos 2min do segundo tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Público: 10.421 pagantes
Renda: Cr$ 83.974,00
Árbitro: Armando Marques.
Santos: Cejas; Hermes, Vicente, Carlos Alberto e Turcão; Clodoaldo, Brecha e Pelé; Jair da Costa (Marcos), Helio Pires e Edu (Ferreira). Técnico: Pepe
São Bento: Marcos; Nei, Henrique, Edson e Nelsinho; Paraguaio, Roberto e Valdir; Claudinho, Tuca e Bozó (Adão). Técnico: Gibe
22/07/1973 – Santos 1 x 1 Corinthians
Gols: Vaguinho aos 15min do primeiro tempo; Pelé aos 42min do segundo tempo.
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo.
Público: 65.851 pagantes
Renda: Cr$ 606.832,00
Árbitro: Oscar Scolfaro.
Corinthians: Ado: Zé Maria, Laércio, Luis Carlos e Vladimir; Tião e Rivelino. Mirandinha, Adãozinho, Vaguinho e Marco Antonio. Técnico: Yustrich
Santos: Cejas: Hermes, Marinho Perez, Carlos Alberto e Zé Carlos; Clodoaldo e Brecha (Léo Oliveira); Jair da Costa (Ferreira), Euzébio, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
26/07/1973 – Juventus 0 x 0 Santos
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Publico: 4.348 pagantes
Renda: Cr$ 82.352,00 (sendo Cr$ 50.000,00 da TV)
Juventus: Sergio Gomes (Bernardino); Chiquinho, Oscar, Guaci e Deodoro; Maurinho e Adnan: Luis Antonio, Tanesi, Vanderlei e Ziza. Técnico: Milton Buzetto
Santos: Cejas: Hermes, Marinho Perez, Carlos Alberto e Zé Carlos; Clodoaldo e Brecha; Marcos (Helio Pires), Euzébio (Ferreira), Pelé e Edu. Técnico: Pepe
29/07/1973 – Santos 0 x 0 São Paulo
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo.
Público: 39.850 pagantes
Renda: Cr$ 356.034,00
Árbitro: Armando Marques.
São Paulo: Pascoalin; Forlan, Zé Luis, Arlindo e Gilberto; Teodoro e Dias; Terto, Zé Carlos, Pedro Rocha e Piau (Paraná). Técnico: José Poy
Santos: Cejas; Hermes, Marinho Perez, Vicente e Zé Carlos; Clodoaldo e Brecha; Edu, Euzébio (Helio Pires), Pelé e Ferreira. Técnico: Pepe
05/08/1973 – América 0 x 1 Santos
Gol: Euzébio aos 15min do segundo tempo.
Local: Estádio Mario Alves Mendonça, em São José do Rio Preto, São Paulo.
Público: 22.127 pagantes
Renda: Cr$ 223.697,00
Árbitro: Emidio Marques
América: Nono; Nelson Prandi, Dobreu, Jair e Geraldo; Jean e Didi; Zuza, Turcão, Iaúca e Mazinho. Técnico: Vail Mota
Santos: Cejas; Hermes, Marinho Perez, Vicente e Zé Carlos; Clodoaldo e Brecha (Léo Oliveira); Edu, Euzébio, Pelé e Ferreira. Técnico: Pepe
08/08/1973 – Portuguesa 1 x 0 Santos
Gol: Tatá
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 45.195 pagantes
Renda: Cr$ 433.241,00
Árbitro: José de Assis Aragão.
Portuguesa: Zecão; Cardoso, Pescuma, Calegari e Isidoro; Badeco e Basílio; Xaxá (Eneas), Tatá, Cabinho (Raimundo) e Wilsinho. Técnico: Oto Glória
Santos: Cejas; Hermes, Marinho Perez, Vicente e Zé Carlos; Clodoaldo e Léo Oliveira; Ferreira (Turcão), Euzébio (Helio Pires), Pelé e Edu. Técnico: Pepe
12/08/1973 – Santos 0 x 1 Palmeiras
Gol: Ademir da Guia
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo.
Público: 29.151 pagantes
Renda: Cr$ 244.338,00
Árbitro: José Favilli Neto.
Palmeiras: Raul Marcel; Eurico, Luis Pereira, João Carlos e Zeca; Alfredo e Ademir da Guia; Edu (Ronaldo), Leivinha, Cesar e Pio. Técnico: Osvaldo Brandão
Santos: Cejas; Pitico (Brecha), Marinho Perez, Vicente e Turcão; Clodoaldo e Léo Oliveira; Marcos (Ferreira), Helio Pires, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
15/08/1973 – Santos 1 x 0 Guarani
Gol: Pelé aos 23min do primeiro tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Público: 5.090 pagantes
Renda: Cr$ 40.115,00
Arbitro: Emidio Marques Mesquita.
Santos: Cejas; Hermes, Vicente, Marinho Perez e Turcão; Léo Oliveira e Pitico; Claudio Adão, Adilson (Helio Pires), Pelé e Ferreira. Técnico: Pepe
Guarani: Tobias; Wilson, Amaral, Moacir e Bezerra; Flamarion e Alfredo; Barnabé (Clayton), Lola, Washington e Zé Ito (Amauri). Técnico: Zé Duarte
19/08/1973 – Ponte Preta 2 x 1 Santos
Gols: Edu; Mosca e Armando
Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, São Paulo.
Público: 7.010 pagantes
Renda: Cr$ 59.669,00
Árbitro: Dulcidio Wanderley Boschilia
Ponte Preta: Valdir Peres; Galli, Oscar, Geraldo e Valter; Chicão e Serginho; Pedro Paulo (Armando), Môsca, Adilton e Tuta (Marquinhos).
Santos: Willians; Hermes (Pitico), Nelsi, Vicente e Turcão; Clodoaldo e Brecha; Jair da Costa, Léo Oliveira (Adilson), Cláudio Adão e Edu. Técnico: Pepe
22/08/1973 – Ferroviária 1 x 1 Santos
Gols: Cláudio Adão aos 11min e Wagner aos 41min do segundo tempo.
Local: Estádio Fonte Luminosa, em Araraquara, São Paulo.
Público: 3.828 pagantes
Renda: Cr$ 25.228,00
Árbitro: Antonio Carlos Gomes.
Ferroviária: Sergio; Batalhão, Fernando, Mariani e Zé Carlos; Muri (Carlos) e Ademir; Reinaldo, Mario Augusto, Coquinho (Nicanor) e Wagner.
Santos: Willians; Turcão, Nelsi, Bianchi e Murias (Vicente); Pitico e Brecha; Claudio Adão, Euzébio (Marcos), Adilson e Ferreira. Técnico: Pepe
26/08/1973 – Portuguesa 0 x 0 Santos
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo
Público: 116.156 pagantes
Renda: Cr$ 1.502.555,00
Árbitro: Armando Marques
Portuguesa: Zecão; Cardoso, Pescuma, Calegari e Isidoro; Badeco e Basílio; Xará, Enéas (Tatá), Cabinho e Wilsinho. Técnico: Oto Glória
Santos: Cejas; Zé Carlos, Carlos Alberto, Vicente e Turcão; Clodoaldo e Léo Oliveira; Jair da Costa (Brecha), Euzébio, Pelé e Edu. Técnico: Pepe
– Ocorrências: A decisão por pênaltis foi interrompida por engano do árbitro Armando Marques, quando o Santos vencia por 2 a 0, e ambas as equipes ainda tinham duas cobranças para realizar. Zé Carlos desperdiçou, e Carlos Alberto e Edu marcaram pelo Santos. Isidoro, Calegari e Wilsinho perderam para a Portuguesa. No dia seguinte, a Federação Paulista proclamou campeãs as duas equipes, devido à confusão feita pelo árbitro Armando Marques.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *