Confrontos – Santos x Racing Paris

Published On 02/04/2015 | Confrontos Internacionais - Clubes
Santos x Racing Paris/FRA
05 jogos – 04 vitórias – 00 empate – 01 vitória do Racing
22 gols marcados – 11 gols sofridos – saldo: +11
LISTA DE TODOS OS JOGOS:
09/06/1960 – Santos 4 x 1 Racing Paris – Paris – Torneio de Paris
07/06/1961 – Santos 6 x 1 Racing Paris – Paris – Amistoso
13/06/1961 – Santos 5 x 4 Racing Paris – Paris – Torneio de Paris
28/06/1962 – Santos 2 x 3 Racing Paris – Paris – Torneio de Paris
17/10/1962 – Santos 5 x 2 Racing Paris – Paris – Amistoso
– Nota: O Racing Club de France, popularmente conhecido como Racing de Paris, é um dos clubes mais antigos da França, fundado em 1882, tendo seu auge nas décadas de 30, 40 e 50. Devido a enormes crises financeiras, hoje disputa apenas divisões amadoras da França.
POR LOCALIDADES:
Na França – 05 jogos – 04 vitórias – 00 empate – 01 derrota
FICHAS TÉCNICAS:
09/06/1960 – Racing Paris 1 x 4 Santos
Gols: Coutinho aos 22min do primeiro tempo; Pelé aos 10min, Pepe aos 21min, Ujlaki aos 28min e Coutinho aos 44min do segundo tempo.
Local: Estádio Parc des Princes, em Paris, França.
Competição: Torneio de Paris
Árbitro: Maurice Frederic Guigue
Santos: Laércio; Calvet (Getúlio), Mauro e Zé Carlos, Formiga e Zito; Dorval, Mengálvio, Coutinho, Pelé e Pepe (Tite).
Racing: Tailander; Tibari (Guillot), Lelong, e Marche; Marcel e Herbin; Grillet, Tocna, Ujlaki, Senac e Heutte
07/06/1961 – Racing Paris-FRA 1 x 6 Santos
Gols: Pepe [3], Pelé, Brandão e Coutinho; Bruno Bollini.
Local: Stade Vélodrome, em Marseille, França.
Competição: Amistoso
Público: 30.000 aproximadamente
Árbitro: Marcel Bois (FRA)
Racing: Varini; Lelong (Marche), Bodim e Meloni; Marcel e Bollini; Tokpa, Brahim, Akesbi, Guillot (Senac) e Heutte.
Santos: Laércio (Lalá); Mauro e Dalmo; Getúlio, Formiga (Brandão) e Lima; Dorval (Sormani), Mengálvio (Pagão), Coutinho (Bé), Pelé e Pepe (Tite). Técnico: Lula
13/06/1961 – Racing Paris-FRA 4 x 5 Santos
Gols: Pelé, Pepe [2], Dorval e Coutinho; Grillet, Docus, Senac e Van San
Local: Estádio Parc des Princes, em Paris, França.
Competição: Torneio de Paris
Público: 40.000 aproximadamente
Árbitro: François Faucheux
Santos: Laércio (Lalá); Mauro e Dalmo; Getúlio, Brandão e Lima; Dorval,
Mengálvio, Coutinho (Pagão), Pelé e Pepe.
Racing: Taillarder; Lelong, Bedin e Marche; Mardel e Sensac; Grillet, Guillot, Van San, Louis e Heutte.
28/06/1962 – Racing Paris-FRA 3 x 2 Santos
Gols: Nenê e Zito; Heutte, Van San e Magny.
Local: Estádio Parc des Princes, em Paris, França.
Competição: Torneio de Paris
Árbitro: Fauchex
Racing: Miredin; Lelong, Polrot e Lagardec; Marcel e Senac; Heutte, Milutinovic, Ujlaki, Van San (Magny) e Charpentier.
Santos: Laércio; Dalmo, Mauro e Décio Brito; Zito e Calvet (Formiga); Tite, Mengálvio (Lima), Cabralzinho, Nenê e Osvaldo.
17/10/1962 – Racing-FRA 2 x 5 Santos
Gols: Pepe, Pelé [2], Lima e Pagão; Van Sam e Milutinovic.
Local: Estádio Parc des Princes, em Paris, França.
Competição: Amistoso
Público: 35.083 pagantes
Renda: 205.944,40 francos
Árbitro: Bois (FRA)
Racing: Taillarder; Lelong, Pobrot e Lagardec; Marcel e Senac; Van San, Heutte, Milutinovic, Ujlaki, Farias (Bollini).
Santos: Gilmar (Laércio); Olavo, Mauro e Dalmo (Zé Carlos); Calvet e Mengálvio; Dorval, Lima, Coutinho (Pagão), Pelé e Pepe (Bé). Técnico: Lula
– Um torcedor cego compareceu ao estádio para conhecer o Rei Pelé. Ao final da partida, Pelé conheceu e deu um autógrafo para o torcedor cego francês.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *