Confrontos – Santos x Remo

Published On 27/06/2014 | Confrontos Nacionais
Santos x Remo-PA
09 Jogos – 08 Vitórias do Santos – 01 Empate – 00 Vitória do Remo
27 Gols Feitos – 09  Gols Sofridos – Saldo: +18
• Lista de todos os jogos:
02/02/1947 – Santos 3 x 2 Remo-PA – Amistoso – Antonio Baena
29/04/1965 – Santos 9 x 4 Remo-PA – Amistoso – Antonio Baena
05/11/1972 – Santos 1 x 1 Remo-PA – Campeonato Brasileiro – Evandro de Almeida
31/10/1973 – Santos 1 x 0 Remo-PA – Campeonato Brasileiro – Evandro de Almeida
13/10/1976 – Santos 2 x 1 Remo-PA – Campeonato Brasileiro – Evandro de Almeida
30/10/1977 – Santos 2 x 0 Remo-PA – Campeonato Brasileiro – Evandro de Almeida
14/08/1994 – Santos 1 x 0 Remo-PA – Campeonato Brasileiro – Vila Belmiro
25/09/1994 – Santos 4 x 1 Remo-PA – Campeonato Brasileiro – Mangueirão
18/03/2010 – Santos 4 x 0 Remo-PA – Copa do Brasil – Mangueirão
• Por Campeonatos:
Campeonato Brasileiro – 06 jogos – 05 vitórias – 01 empate – 00 derrota
Amistosos – 02 jogos – 02 vitórias – 00 empate – 00 derrota
Copa do Brasil – 01 jogo – 01 vitória – 00 empate – 00 derrota
• Por Estádios:
Vila Belmiro – 01 jogo – 01 vitória – 00 empate – 00 derrota
Mangueirão – 02 jogos – 02 vitórias – 00 empate – 00 derrota
• Disputas em mata-matas: Santos 1 x 0 Remo-PA
2010 – Santos elimina o Remo-PA na segunda fase da Copa do Brasil.
• Fichas Técnicas:
02/02/1947 – Remo-PA 2 x 3 Santos
Gols: Caxambu aos 34min do primeiro tempo; Dilermando aos 3min, Adolfrises aos 4min, Jesu aos 32min e Ruy aos 39min do segundo tempo.
Local: Estádio Antonio Baena, em Belém, Pará.
Competição: Amistoso
Árbitro: Durval Valente
Remo: Véliz; Isan e Expedito; Modesto, Jambo e Vicente (Cunha); Ita, Arquimedes (Jesu), Palito, Dilermando e Boró.
Santos: Osni; Artigas e Expedito; Nenê, Dacunto e Ayala; Zeferino, Leonaldo (Maracaí), Caxambu, Adolfrises (Canhoto) e Ruy. Técnico: Abel Picabéa
29/04/1965 – Remo-PA 4 x 9 Santos
Gols: Pelé aos 8min, aos 38min, aos 40min e aos 44min, Walter aos 17min, Zezé aos 24min, Coutinho aos 27min e Carlos Alberto aos 34min do primeiro tempo;
Pelé aos 10min, Zezé aos 17min, Toninho aos 28min, Faustino aos 31min e Peixinho aos 33min do segundo tempo.
Local: Estádio Antonio Baena, em Belém, Pará.
Competição: Amistoso
Renda: Cr$ 50.000.000,00
Árbitro: Sena Muniz
Santos: Cláudio; Carlos Alberto Torres (Dé), Mauro Ramos de Oliveira (Modesto), Geraldino e Haroldo; Lima e Mengálvio; Peixinho (Toninho), Coutinho (Rossi), Pelé (Santana) e Pepe (Abel). Técnico: Lula
Remo: Arlindo; Sergio, Valcino (Casemiro) e Jorge; Amaral e Zeca; Zé Luiz, Valter, Zezé, Rangel e Chaminha.
30/10/1977 – Remo-PA 0 x 2 Santos
Gols: Reinaldo aos 33min do primeiro tempo; Aílton Lira aos 35min do segundo tempo.
Local: Estádio Evandro Almeida, ou Baenão, em Belém, Pará.
Competição: Campeonato Brasileiro
Público: 14.180 pagantes
Renda: Cr$ 324.603,00
Árbitro: José Mário Vinhas
Remo: Edson; Marinho, Dutra, Darinta e Marajó; Anderson, Mesquita (Vilfredo) e Humberto; Leônidas, Bira e Mego (Nato).
Santos: Ernâni; Fausto, Marçal, Alfredo e Fernando; Carlos Roberto, Bianchi e Aílton Lira; Nílton Batata, Reinaldo (Juary) e João Paulo.
14/08/1994 – Santos 1 x 0 Remo-PA
Gol: Paulinho Kobayashi aos 14min do primeiro tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Competição: Campeonato Brasileiro
Público: 9.937 pagantes
Renda: R$ 60.957
Árbitro: Léo Feldman
Santos: Edinho; Índio, Júnior, Narciso e Silva; Dinho, Gallo, Neto e Paulinho Kobayashi (Cerezo); Macedo e Demétrius. Técnico: Serginho Chulapa
Remo: Clemer; Marcelo, Belterra, Fábio e Serginho; Cleberton, Rogerinho, Mazinho (Wander) e Helinho; Mauro e Alencar (Júnior). Técnico: Valdemar Carabina
18/03/2010 – Remo-PA 0 x 4 Santos
Gols: Neymar aos 21min e André aos 42min do primeiro tempo; André aos 3min e Neymar aos 36min do segundo tempo.
Local: Estádio Olímpico do Pará, Mangueirão, em Belém, Pará.
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)
Assistentes: Márcio Eustáquio Sousa Santiago (Fifa-MG) e Francisco Pereira de Lima Júnior (PI)
Cartões amarelos: Marquinhos, Durval e Rodrigo Mancha; Pedro Paulo e Gian
Remo: Adriano; Índio, Pedro Paulo, Raul e Paulinho; Danilo Mendes, Ramon, Fabrício Carvalho (Otacílio) e Samir; Marciano e Heliton (Gian). Técnico: Sinomar Naves
Santos: Felipe; Wesley, Edu Dracena, Durval e Pará; Rodrigo Mancha, Arouca, Marquinhos (Rodriguinho) e Paulo Henrique (Maikon Leite); Neymar e André (Madson). Técnico: Dorival Júnior

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *