Excursão para a América do Sul – 1962

Published On 03/06/2014 | Excursões Internacionais
Por Gabriel Santana
Santos, 03/06/2014
Atualizado, 07/01/2016

Na excursão pela América do Sul em 1962, um dos melhores goleiros da história do futebol, Gylmar dos Santos Neves, fez a sua estreia com a camisa do Santos!
Outro fato marcante aconteceu na partida diante do Alianza Lima-PER. Quando Pelé foi substituído, a torcida ao perceber, começou a protestar e ameaçava invadir o campo. O árbitro parou o jogo e pediu a Lula que o Rei retornasse ao gramado!
Na Argentina, o Alvinegro disputou o Triangular de Buenos Aires e massacrou o Racing-ARG, que era o atual campeão argentino, por 8×3!
Foram 44 gols marcados em 10 jogos, na viagem que durou pouco mais de um mês.

• Total de partidas: 10 jogos; 08 vitórias; 01 empate; 01 derrota; 44 GP; 20 GC; 24 SG
• Países visitados: Equador, Peru, Uruguai e Argentina.
• Cidades visitadas: Guayaquil, Quito, Lima, Montevidéu, Buenos Aires e La Plata.
• Jogos:
07/01 – Barcelona de Guayaquil-EQU 2 x 6 Santos
14/01 – LDU-EQU 3 x 6 Santos
17/01 – Alianza Lima-PER 1 x 5 Santos
20/01 – Universitário-PER 2 x 5 Santos
24/01 – Sporting Cristal-PER 1 x 5 Santos
28/01 – Deportivo Municipal-PER 2 x 3 Santos
31/01 – Nacional-URU 2 x 3 Santos
03/02 – Racing-ARG 3 x 8 Santos
06/02 – River Plate-ARG 2 x 1 Santos
09/02 – Gymnasia y Esgrima-ARG 2 x 2 Santos
• Artilheiros da excursão:
11 Gols: Coutinho e Pepe
08 Gols: Pelé
05 Gols: Dorval
02 Gols: Mengálvio, Pagão e Tite
01 Gol: Zito e Décio Brito
01 Gol Contra: Jedlinsky
FICHAS TÉCNICAS:
07/01/1962 – Barcelona de Guayaquil-EQU 2 x 6 Santos
Gols: Zito aos 35min, Cordero aos 36min e Pepe aos 42min do primeiro tempo; Coutinho aos 4min, aos 15min, aos 18min e aos 42min e Lecaro aos 17min do segundo tempo.
Local: Estádio Monumental Isidro Romero, em Guayaquil, no Equador.
Competição: Amistoso
Público: 30.000 aproximadamente
Árbitro: Boanerges Cavallo
Barcelona: Bonnard; Herrera, Lecaro e Macias; José Marizaldo e Patterson; Gando, Bolivar (Pin), Cordero (Romero), Calderon e Canharte (Nabas).
Santos: Laércio (Gylmar); Olavo e Décio Brito; Lima, Calvet (Formiga) e Zito (Getúlio); Dorval, Tite, Coutinho, Pelé (Pagão) e Pepe (Mengálvio). Técnico: Lula
14/01/1962 – LDU-EQU 3 x 6 Santos
Gols: Pepe [3] e Pelé [3]; Gilberto, Garçon e Rivadeneira.
Local: Em Quito, Equador.
Competição: Amistoso
Público: 45.000 aproximadamente
Árbitro: Bella Rosental
LDU: Bordon (César); Rodriguez (Pestez), Zambravo e Valdez; Guerrero e Morales; Mantilla, Rivadeneira, Brizuela (Fifi), Vivero (Garçon) e Gilberto.
Santos: Laércio (Gylmar); Olavo e Décio Brito; Lima, Calvet (Getúlio) e Zito; Dorval, Tite (Mengálvio), Pagão (Coutinho), Pelé e Pepe. Técnico: Lula
17/01/1962 – Alianza Lima-PER 1 x 5 Santos
Gols: Dorval aos 20min, Coutinho aos 33min e aos 39min e Tite aos 43min do primeiro tempo; Pepe aos 12min e Zegara aos 43min do segundo tempo.
Local: Estádio Nacional de Lima, em Lima, Peru.
Competição: Amistoso
Público: 25.711 pagantes
Renda: 753.160 soles peruanos
Árbitro: Carlos Rivero (PER)
Alianza: Bazan; Galuan, Wantuil e Guzman; Solar e De La Veja; Zegar, Grimaldo, Flores, Leon e Gamarra.
Santos: Laércio (Gylmar); Olavo e Décio Brito; Lima, Calvet (Getúlio) e Zito; Dorval, Tite (Mengálvio), Coutinho (Pagão), Pelé e Pepe. Técnico: Lula
– Ocorrências: Pelé foi substituído, porem, teve que voltar a campo. No intervalo, foi substituído por Pagão, a torcida ao perceber, começou a protestar e ameaçava invadir o campo. O árbitro parou o jogo e pediu a Lula que Pelé retornasse.
20/01/1962 – Universitário-PER 2 x 5 Santos
Gols: Dorval, Coutinho, Pagão, Pelé e Pepe; Uribe e Marques.
Local: Estádio Nacional de Lima, em Lima, Peru.
Competição: Amistoso
Público: 23.096 pagantes
Árbitro: Alberto Tejada (PER)
Universitário: Zegarra; Soria, J. Fernandez e Cruzada; Arguedes e Calderon; Ruiz (Villalba), Uribe, Guzman, Marques e Iwasaki.
Santos: Laércio; Olavo e Décio Brito; Lima, Calvet e Zito (Getúlio); Dorval, Tite (Mengálvio), Coutinho (Pagão), Pelé e Pepe. Técnico: Lula
24/01/1962 – Sporting Cristal-PER 1 x 5 Santos
Gols: Coutinho aos 13min e Pepe aos 33min do primeiro tempo; Dorval aos 11min, Tite aos 25min, Pelé aos 30min e Ramirez aos 40min do segundo tempo.
Local: Estádio Nacional de Lima, em Lima, Peru.
Competição: Amistoso
Público: 28.976 pagantes
Árbitro: Enrique Montez
Sporting: Asca; Campos, Anselmo e Elias; Quintos (Escati) e De La Torre, Castillo, Ramirez, Gallardo, Nieli e Delgado.
Santos: Laércio (Gylmar); Olavo e Décio Brito; Lima, Calvet e Zito (Getúlio); Dorval, Tite, Coutinho (Pagão), Pelé e Pepe (Mengálvio). Técnico: Lula
28/01/1962 – Deportivo Municipal-PER 2 x 3 Santos
Gols: Mengálvio, Pelé e Dorval; Tito Drago e Montalvo.
Local: Estádio Nacional de Lima, em Lima, Peru.
Competição: Amistoso
Público: 22.572 pagantes
Árbitro: Artur Yamasaki
Expulsos: Olavo (Santos) e Mosquero (Deportivo).
Deportivo: Felandro; Bravo, Bolivar e Yasekich; Fleming e Gonzalez; Montalvo, Tito (Carrasco), Uribe, Lostanel e Oapaya (Mosquero).
Santos: Laércio (Gylmar); Olavo e Décio Brito; Lima, Calvet e Zito; Dorval, Mengálvio (Tite), Coutinho (Pagão), Pelé e Pepe (Getúlio). Técnico: Lula
31/01/1962 – Nacional-URU 2 x 3 Santos
Gols: Dorval, Pelé e Pagão; Guagliaone e Olavo (c).
Local: Estádio Centenário, em Montevidéu, Uruguai.
Público: 35.276 pagantes
Renda: 380.087 pesos
Árbitro: Juan Carlos Armental
Expulsos: Dorval e Zito (Santos).
Nacional: Sosa; Troche, Eliseo e Mendez; Emilio Alvarez (Ruben Gonzalez) e Origone; Roberto Alvarez (Guagliaone), Ollabide (Vergara), JJ Rodriguez, Douksas e Escalada.
Santos: Laércio; Olavo e Décio Brito; Lima, Calvet (Formiga) e Zito; Dorval, Mengálvio (Tite), Coutinho (Pagão), Pelé e Pepe (Getúlio). Técnico: Lula
03/02/1962 – Racing-ARG 3 x 8 Santos
Gols: Coutinho aos 2min e aos 9min, Pepe aos 11min, Cielinkski (c) aos 43min e Sosa aos 40min do primeiro tempo; Cardenas aos 4min, Belém aos 12min, Pelé aos 19min, Coutinho aos 23min, Pepe aos 33min e aos 42min do segundo tempo.
Local: Estádio Monumental de Nuñez, em Buenos Aires, Argentina.
Competição: Triangular de Buenos Aires (Taça Racing)
Público: 50.000 aproximadamente
Renda: 3.933.360 pesos ou Cr$ 19.350.000,00
Árbitro: Juan Carlos Pradaude
Racing: Negri, Bianco (Silas), Anido (Cielinkski) e Messias; Peano (Marsetta) e Sacchi; Corbata, Pizutti, Mansilla (Cardenas), Sosa e Belém
Santos: Laércio (Gylmar); Lima, Olavo, Calvet e Décio Brito; Zito (Getúlio) e Mengálvio (Tite); Dorval, Coutinho (Pagão), Pelé e Pepe. Técnico: Lula
06/02/1962 – River Plate-ARG 2 x 1 Santos
Gols: Onega aos 16min e Pando aos 21min do primeiro tempo; Decio Brito aos 24min do segundo tempo.
Local: Estádio Monumental de Nuñez, em Buenos Aires, Argentina.
Competição: Triangular de Buenos Aires
Público: 80.000 aproximadamente
Renda: 8.817.640 pesos
Árbitro: Luís Ventre (ARG)
River Plate: Carrizzo; Sanez, Delgado e Echegarray; Capi e Varacka; Garcia (Delem), Pando, Artime, Onega e Roberto.
Santos: Laércio; Lima, Olavo e Décio Brito; Zito e Formiga; Dorval (Tite), Mengálvio, Coutinho (Pagão), Pelé e Pepe. Técnico: Lula
09/02/1962 – Gymnasia y Esgrima-ARG 2 x 2 Santos
Gols: Cortez aos 6min e Pepe aos 31min do primeiro tempo; Prado aos 13min e Mengálvio aos 33min do segundo tempo.
Local: Estádio Juan Carlos Zerillo, em La Plata, Argentina.
Competição: Amistoso
Público: 25.000 aproximadamente
Renda: 2.042.040 pesos
Árbitro: Juan Brozzi (ARG)
Gymnasia: Minoian; Devoine, Gagliano e Leijona; Daniel Bayo e Marinovich; Carro (Siasia), Cortez (Sartori), Prado (Roleto), Gomes Sanchez e Diego.
Santos: Laércio; Lima, Olavo e Décio Brito; Formiga e Zito (Getúlio); Tite, Mengálvio, Coutinho, Pelé (Pagão) e Pepe (Dorval). Técnico: Lula

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *