Goleada em São José do Rio Preto!

Published On 31/10/2014 | 10 anos do Octacampeonato!
No próximo dia 19 de dezembro, o título do Campeonato Brasileiro de 2004, o Octacampeonato, completa 10 anos! E em comemoração a conquista, iremos fazer uma série de postagens sobre as últimas partidas do Santos no Campeonato, a arrancada final para o título, desbancando o Atlético-PR! Mais precisamente, iremos contar a história das últimas 08 partidas disputadas pelo Alvinegro, as que definiram o título.
E começamos com a goleada santista diante do Fluminense, que exatamente ontem, dia 30/10, completou 10 anos.
– “Em São José do Rio Preto, time goleia o Fluminense, garante liderança e tem seu maior público no Brasileiro-04”
Ao longo da campanha, o Santos perdeu o direito de jogar na Vila Belmiro por diversas vezes, devido a grande rigidez que o STJD tinha para julgar o Alvinegro. Mal sabiam eles que mandar os jogos no interior, só aumentaram a força do Santos.
Contra o Fluminense, o jogo foi realizado no Estádio Benedito Teixeira, em um sábado ensolarado. Quase 22 mil pessoas pagaram ingresso para ver o show de Robinho e companhia.
Destaque para o grande entrosamento da dupla de ataque, formada por Deivid e Robinho. Dos 5 gols, eles marcaram dois cada um, e o outro tento, foi marcado contra por Laércio.
Logo aos 7 minutos, o zagueiro Antônio Carlos, ao ver a presença do camisa 7, se atrapalhou, e entregou a bola nos pés do craque, que com muita frieza, abriu o marcador para o Santos.
O segundo tento novamente surgiu de uma bobeada da zaga e pela esperteza de Robinho. Driblou o lateral Leonardo Moura e cruzou para dentro da área, e ao tentar um desvio, o zagueiro Laerte marcou contra.
O Santos controlava o jogo, e após a marcação do segundo gol, diminuiu o ritmo e cadenciou a partida. E mesmo com a marcação de um gol do Fluminense, que logo foi anulado, o Alvinegro manteve a postura cadenciada.
Após o descanso no intervalo, o Santos voltou inteiro, e com a gana de marcar mais gols. E aos 3 minutos, o volante Zé Elias, em um lindo lançamento, deixou Deivid na cara do gol, para marcar o terceiro gol santista.
O quarto tento começou novamente com Zé Elias, que aos 11 minutos, fez uma jogada de lateral, e foi até a linha de fundo, cruzando para a pequena área. Deivid disputou a bola com a zaga carioca, e devido a confusão, ela sobrou limpa para Robinho estufar as redes do Fluminense.
Devido ao forte calor e a atuação intensa de Robinho, o técnico Vanderlei Luxemburgo o sacou do time, para poupá-lo. Basílio entrou em seu lugar, e como era de praxe, armou a jogada para o último gol da partida. Em bela jogada pela lateral do campo, cruzou para Deivid encerrar o marcador, 5×0.
FICHA TÉCNICA
30/10/2004 – Santos 5 x 0 Fluminense
Gols: Robinho aos 7min e Laerte (c) aos 19min do primeiro tempo; Deivid aos 2min e aos 36min e Robinho aos 11min do segundo tempo.
Local: Estádio Benedito Teixeira, em São José do Rio Preto, São Paulo.
Público: 21.763 pagantes
Renda: R$ 297.906,00
Árbitro: Clever Assunção Gonçalves (MG)
Assistentes: Marco Antonio Gomes (MG) e Márcio Eustáquio Santiago (MG)
Cartões Amarelos: Esquerdinha (F), Zé Elias (S), Laerte (F)
Santos: Mauro; Paulo César, Leonardo, André Luís e Léo; Fabinho, Bóvio (Zé Elias), Ricardinho (Marcinho) e Elano; Robinho (Basílio) e Deivid. Técnico: Vanderlei Luxemburgo
Fluminense: Fernando Henrique, Leonardo Moura, Antonio Carlos, Laerte e Júnior César (Mineiro); Marciel, Diego, Esquerdinha (Marcão) e Roger; Alessandro e Rodrigo Tiuí (Alex). Técnico: Alexandre Gama
– Referências: 
Jornal “O Estado de São Paulo”
Jornal “Folha de São Paulo”
Jornal “A Tribuna”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *