Guga – 1992-1994

Published On 01/07/2016 | Ex-Atletas, Ídolos
Por Gabriel Santana
Santos, 01/07/2016

Oportunista e uma das grandes figuras do Santos na década de 90, Alexandre da Silva, o Guga, criou um grande carisma com a torcida santista, devido aos seus belos e importantes gols.
Nascido no Rio de Janeiro, em 14 de junho de 1964, iniciou sua prática no futebol pela Cabofriense-RJ, em 1984, e somente em 1992, após ótima passagem pela Internacional de Limeira, foi contratado pelo Alvinegro.
Ao chegar no time de Vila Belmiro, fez dupla com o também centroavante Paulinho McLaren, e os dois foram os principais responsáveis em darem alegria ao torcedor do Santos no início da década de 90, período em que o time santista não vivia uma boa fase.
Guga se consolidou ainda mais na memória do torcedor ao escolher sua vítima preferida: o Corinthians. Anotou ao todo 8 gols contra o rival da capital. E desses 8 tentos, foram dois “hat-tricks”, sendo um no dia 25/10/1992 e outro em 24/04/1994, em uma incrível vitória de virada por 4×3.
Devido a essa incrível facilidade em marcar gols no Corinthians, ficou conhecido como “Guga, o matador de Gambás”.
Foi o artilheiro máximo do Campeonato Brasileiro de 1993, comprovando toda sua fama de grande goleador.
Guga foi o dono da camisa 9 do Santos até o final de 1994, quando se transferiu para o Botafogo.  Jogou ainda pelo Al Ahli Club, Cerezo Osaka, Araçatuba, Atlético-PR, Bangu-RJ, Paysandu, Remo e Cabofriense-RJ, onde encerrou sua carreira em 2001, aos 37 anos de idade.
Ao pendurar as chuteiras, Guga investiu em lotéricas no Rio de Janeiro, porém, desistiu do negócio após grande quantidade de assaltos.
Hoje vive em Ilha Grande, no litoral sul fluminense, onde é dono de escunas, denominadas como “Escuna Pavarotti”, realizando passeios pelas praias locais. Como atrativo, as escunas são decoradas com fotos de Guga enquanto jogador.

• Jogos e gols:
1992 – 55 jogos e 20 gols;
1993 – 46 jogos e 31 gols;
1994 – 55 jogos e 23 gols;
Total: 156 jogos e 74 gols
Fichas Técnicas:
29/01/1992 – Santos 1 x 1 São Paulo
Gols: Castro (c) aos 17min do primeiro tempo; Paulinho McLaren aos 12min do segundo tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Competição: Campeonato Brasileiro
Renda: Cr$ 82.187.000
Público: 18.017 presentes
Árbitro: José Aparecido de Oliveira
Expulsos: Cilinho (SFC) e Sidnei (SPFC)
SFC: Sergio; Dinho, Castro, Luiz Carlos e Rogério; Bernardo e Carlinhos; Almir (Sergio Manoel), Paulinho McLaren, Guga (Zé Renato) e Cilinho. Técnico: Rubens Minelli
SPFC: Alexandre; Adílson, Antonio Carlos, Ronaldo e Ronaldo Luis; Sidnei, Suélio e Raí (Macedo); Muller, Palhinha e Cláudio (Mona). Técnico: Telê Santana
– Estreia de Guga
09/05/1992 – Santos 1 x 2 Cruzeiro
Gols: Guga; Cleisson (2)
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Competição: Campeonato Brasileiro
Renda: Cr$ 52.376.000
Público: 11.804 presentes
Árbitro: Manoel Serapião Filho
SFC: Sergio; Dinho, Marcelo Fernandes, Luiz Carlos e Marcelo Veiga (Índio); Bernardo, Axel e João Paulo (Guga); Almir, Paulinho McLaren e Cilinho. Técnico: Geninho
CEC: Paulo César; Paulo Roberto, Paulão, Célio Lúcio e Nonato; Andrade, Luis Fernando e Cleisson; Ramón; Rogério Lage, Macalé (Edson) e Charles. Técnico: Jair Pereira
– Primeiro gol com a camisa do Santos
25/10/1992 – Corinthians 1 x 3 Santos
Gols: Paulo Sergio aos 31min e Guga aos 34min do primeiro tempo; Guga aos 2min e aos 18min do segundo tempo.
Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo.
Competição: Campeonato Paulista
Renda: Cr$ 391.915.000
Público: 19.856 pagantes (20.121 total)
Árbitro: João Paulo Araújo
SFC: Sergio, Indio, Junior, Nei e Flavinho; Axel, Gallo e Ranielli (Rogério); Almir (Edmar), Guga e Cilinho. Técnico: Geninho
SCCP: Ronaldo; Marcelinho Paulista, Marcelo, Henrique e Vladimir; Ezequiel, Tupãzinho (Marques) e Edu Manga; Fabinho, Nílson e Paulo Sergio. Técnico: Nelsinho
– 1º hat-trick diante do Corinthians, com direito a um golaço de voleio no último tento.
24/04/1994 – Corinthians 3 x 4 Santos
Gols: Marcelinho Carioca (p) aos 8min, Casagrande aos 21min, Dinho (p) aos 26min e Guga aos 23min e aos 41min do primeiro tempo; Guga aos 41min e Casagrande aos 43min do segundo tempo.
Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo.
Competição: Campeonato Paulista
Renda: CR$ 145.250.000
Público: 26.271
Árbitro: Oscar Godói
SFC: Edinho; Índio, Marcelo Fernandes, Cerezo e Silva; Dinho, Gallo e Raniélli (Sérgio Santos); Macedo, Guga e Paulinho Kobayashi (Zé Renato). Técnico: Serginho Chulapa.
SCCP: Ronaldo; Valdo, Gralak, Wilson Mano e Daniel (Elias); Embu (Marques), Zé Elias, Casagrande e Marcelinho; Viola e Rivaldo. Técnico: Carlos Alberto Silva
– Mais um hat-trick do artilheiro.
26/11/1994 – Santos 3 x 0 Guarani
Gols: Macedo aos 17min e Raniélli aos 24min do primeiro tempo; Guga (p) aos 38min do segundo tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Competição: Campeonato Brasileiro
Renda: R$ 28.567
Público: 5.416 presentes
Árbitro: Dalmo Bozzano
SFC: Gilberto; Índio, Junior, Marcelo Fernandes e Silva; Gallo, Carlinhos, Raniélli (Marcelinho Paraíba) e Giovanni (Cerezo); Macedo e Guga. Técnico: Joãozinho
GFC: Hiran; Marcinho, Cláudio, Reginaldo e Guilherme; Fernando, Valdeir (Leonardo), Sandoval e Julio Cesar; Edu Lima e Tarciso. Técnico: Carlos Alberto Silva
– Ultimo jogo e ultimo gol pelo Santos.

Fontes e Referências:
Centro de Memória e Estatística do Santos;
Almanaque do Santos;
Livro “100 anos, 100 jogos e 100 ídolos”;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *