Macedo – 1994-1996/1997-1998/1999

Published On 22/03/2017 | Ex-Atletas
Por Gabriel Santana e Ronaldo Silva
Santos, 22/03/2017

Nome completo – Natanael dos Santos Macedo
Período – 1994-1996/1997-1998/1999
Posição – Atacante
Nascimento – 16 de dezembro de 1969, em Americana, São Paulo
Jogos  228
Gols – 61

Histórico – Criado e nascido em Americana, interior de São Paulo, Macedo não teve um início de vida tranquila. Foi cortador de cana e colhedor de algodão, ainda na adolescência.
No futebol, teve suas primeiras chances no Rio Branco. Aos 18 anos, em 1987, foi profissionalizado pela equipe de Americana.
Foi emprestado ao Palmeirinha de Porto Ferreira, para a disputa da Série A-3 do Campeonato Paulista, e começou a mostrar seu grande futebol. Em uma preliminar do jogo do São Paulo, Macedo se destacou, marcando um gol e realizando uma assistência. Não demorou muito para ser contratado em definitivo pelo São Paulo.
Na equipe paulistana, Macedo ganhou títulos, e destaque no cenário nacional. Em 1993 foi emprestado ao Cádiz/ESP. Meses depois, o Albacete/ESP tentou contratá-lo, porém, Macedo preferiu retornar ao Brasil, e acertou sua transferência para o Cruzeiro.
Contratado pelo Santos em 1994, logo se firmou na equipe santista. Mesmo quando não formava entre os 11, Macedo era aguardado no segundo tempo, para “botar fogo no jogo”.
Rápido e com um bom chute, o atacante do interior de São Paulo fez parte da campanha do Vice-Campeonato Brasileiro de 1995.
No 2º semestre de 1996, foi emprestado ao Vasco, para a disputa do Campeonato Brasileiro. No fim da temporada, já estava de volta à Vila Belmiro.
Em 1997, viveu seu melhor momento na equipe santista. Conquistou o Torneio Rio-São Paulo, atuando em todas as partidas da competição.
No ano seguinte, foi novamente emprestado, dessa vez, para o Coritiba.
Retornou novamente para o Santos, porém, apenas para se despedir. Realizou apenas uma partida em 1999, e acertou sua transferência para o Grêmio.
Atuou ainda pela Ponte Preta, Al Hilal/SA, Rio Branco (retorno), Fortaleza, Ceará, Joinvile, Atlético Sorocaba, Taubaté, Uberlândia, Londrina, Cambé-PR, Itabaiana-SE, Comercial-SP e encerrou sua carreira no Operário-MS, em 2007, aos 38 anos.
Ao pendurar as chuteiras, Macedo iniciou um trabalho com categorias de base, e atualmente é empresário de alguns jovens atletas.

ESTREIA
26/01/1994 – Santos 2 x 2 Guarani
Gols: Gallo (p) e Neizinho; Djalminha (f) e Clovis.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Competição: Campeonato Paulista
Renda: CR$ 15.939.700
Público: 15.412 pagantes
Árbitro: José Mocelin
Expulso: Fernando (GFC)
SFC: Gilberto, Silva, Júnior, Marcelo Fernandes e Marcos Paulo (Sérgio Santos); Gallo, Zé Renato (Marcelo Passos), Raniélli e Paulinho Kobayashi; Macedo e Neizinho. Técnico: Pepe.
GFC: Narciso; Gustavo, Adílson, Fernando e Robinson (Rocha); Valmir, Rodnei, Edu Lima (Ronaldo) e Djalminha; Tiba e Clóvis. Técnico: Oscar Bernardi
PRIMEIRO GOL
06/03/1994 – Palmeiras 4 x 1 Santos
Gols: Macedo; Cesar Sampaio, Marcelo Fernandes (c), Evair e Cleber.
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Competição: Campeonato Paulista
Renda: CR$ 84.320.000,00
Público: 23.528
Árbitro: João Paulo Araújo
SFC: Edinho, Índio, Júnior, Marcelo Fernandes, Silva (Luciano Carlos), Gallo, Cerezo, Dinho, Macedo, Guga (Serginho Fraldinha) e Carlinhos. Técnico: Pepe
SEP: Sérgio; Cláudio, Antonio Carlos, Cleber e Roberto Carlos; Cesar Sampaio, Mazinho, Amaral (Jean Carlo) e Zinho; Edílson e Evair. Técnico: Vanderlei Luxemburgo
ULTIMA PARTIDA
30/01/1999 – Santos 0 x 0 Vasco
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Árbitro: Léo Feldman (RJ)
Competição: Torneio Rio-São Paulo
Renda: R$ 98.955,00
Público: 8.242
Cartão Amarelo: Claudiomiro, Dutra, Marcos Assunção, Caíco, Mauro Galvão, Nasa, Paulo Miranda, Juninho, Alex e Donizete
SFC: Zetti; Michel, Argel, Claudiomiro e Dutra; Marcos Bazilio, Marcos Assunção, Jorginho (Caíco) e Eduardo Marques (Macedo); Alessandro (Camanducaia) e Rodrigão. Técnico: Emerson Leão
CRVG: Carlos Germano; Zé Maria, Odvan, Mauro Galvão e Felipe; Nasa, Paulo Miranda, Juninho e Alex (Luizinho); Donizete (Zezinho) e Guilherme (Luiz Cláudio). Técnico: António Lopes

• Jogos e gols:
1994 – 61 jogos e 16 gols;
1995 – 56 jogos e 11 gols;
1996 – 33 jogos e 11 gols;
1997 – 68 jogos e 20 gols;
1998 – 09 jogos e 02 gols;
1999 – 01 jogo e 00 gol;

Total – 228 jogos e 61 gols

Fontes e Referências:
Almanaque do Santos FC;
Revista Placar;
A Gazeta Esportiva;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *