Marçal – 1968-1973/1974-1977

Published On 16/05/2017 | Ex-Atletas
Por Gabriel Santana e Ronaldo  Silva
Santos, 16/05/2017

Nome completo – Emerson Marçal
Período – 1968-1973/1974-1977
Posição – Zagueiro
Nascimento – 11 de outubro de 1944, em Lucélia, São Paulo
Jogos – 210
Gols – 01

Histórico – Mesmo tendo nascido em Lucélia, interior de São Paulo, foi na cidade de Santos que Marçal começou sua vida futebolística. Ainda quando criança, mudou-se junto de sua família para a cidade litorânea.
Iniciou sua carreira na Portuguesa Santista, ainda nas equipes infantis. No ano de 1964, teve sua primeira chance no quadro principal. Em 1967, foi considerado o melhor zagueiro do Campeonato Paulista, e suas atuações começaram a despertar interesse do Alvinegro, sendo contratado no ano seguinte, em 1968.
Na Vila Belmiro, Marçal encontrou a concorrência de Ramos Delgado e Joel Camargo, dois dos maiores zagueiros da história do Santos. Tornou-se um reserva de luxo, e sempre quando era acionado, os substituía a altura.
Estatisticamente, o ano de 1970 representou a melhor temporada de Marçal com a camisa santista. Após a saída de Joel, foi titular em diversas partidas ao lado da lenda argentina, Ramos Delgado.
Participou das conquistas do Título Paulista de 1969, da Recopa Sul-Americana de 1968 e do Campeonato Brasileiro de 1968.
Infelizmente no ano seguinte, sofreu uma grave lesão, e ficou afastado por um longo período dos gramados.
Atuou nas duas primeiras partidas da conquista do Título Paulista de 1973, e no segundo semestre desse mesmo ano, foi emprestado ao Coritiba, retornando em 1975.
Sua ultima temporada pelo time da Vila Belmiro, foi em 1977, quando atuou em 29 partidas. Ao deixar o time santista, Marçal encerrou sua carreira.
Após pendurar as chuteiras, trabalhou como Secretário Municipal de Santos (1997-2000) (2001-2009).

ESTREIA
08/09/1968 – Atlético-PR 3 x 2 Santos
Gols: Toninho e Edu; Zé Roberto, Gildo e Madureira.
Local: Estádio Durival de Brito, em Curitiba, Paraná.
Competição: Campeonato Brasileiro
Público: 19.638 + 4.665 menores (24.303 total)
Renda: NCr$ 99.810,00
Árbitro: Arnaldo César Coelho
Atlético-PR: Célio; Djalma Santos, Beline (Vilmar), Charrão e Nilo; Nair e Paulista; Gildo, Madureira, Zé Roberto e Nilson. Técnico: Nestor Alves
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Joel Camargo e Rildo; Clodoaldo e Negreiros; Edu, Toninho, Douglas (Marçal) e Pepe (Abel). Técnico: Zito
ULTIMO JOGO
27/11/1977 – Uberaba 4 x 1 Santos
Gols: Naim aos 15min e aos 30min do primeiro tempo; Juary aos 5min, Paulo Luciano aos 9min e aos 16min do segundo tempo.
Local: Estádio João Guido, em Uberaba, Minas Gerais.
Competição: Campeonato Brasileiro
Público: 18.903 pagantes
Renda: Cr$ 528.050,00
Árbitro: Garibaldo Matos
Uberaba: Weilton; Augusto, Edvaldo, Marquinho e Flávio; Fabinho e Sérgio Zaia; Paulo Luciano (Osmar), Vaquinha, Naim (J.Silva) e Helinho. Técnico: Lori Sandri
Santos: Ricardo; Nelson, Marçal, Fernando e Gilberto; Carlos Roberto, Ailton Lira e Toinzinho; Nilton Batata, Pita (Juary) e João Paulo. Técnico: Ramos Delgado

• Jogos e gols:
1968 – 17 jogos e 00 gol;
1969 – 36 jogos e 00 gol;
1970 – 31 jogos e 00 gol;
1971 – 45 jogos e 00 gol;
1972 – 01 jogo e 00 gol;
1973 – 10 jogos e 00 gol;
1975 – 21 jogos e 00 gol;
1976 – 20 jogos e 01 gol;
1977 – 29 jogos e 00 gol;
Total – 210 jogos e 01 gol

Fontes e Referências:
Almanaque do Santos FC;
Revista Placar;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *