Marteletti – 1935-1938

Published On 09/09/2016 | Ex-Atletas
Por Gabriel Santana e Ronaldo Silva
Santos, 09/09/2016

Nome completo – Ernesto da Silva Gomes (Marteletti)
Período – 1935-1938
Posição – Médio-central
Nascimento – Data desconhecida, em Amparo, São Paulo
Jogos – 92
Gols – 01

Histórico – Quando chegou a Vila Belmiro, Marteletti já era Bicampeão Brasileiro de Seleções (1933-1934) pela Seleção Paulista, e era considerado um dos principais médios-centrais da época.
Iniciou sua carreira no Amparo AC, e após passar por Ponte Preta (1932-1933), São Bento (1933) e Portuguesa (1934), foi contratado pelo Santos no auge de sua forma.
A aquisição do time santista gerou uma grande expectativa nos torcedores, pois se tratava de um jogador completo, relativamente alto e magro, mas de físico forte, e principalmente “RESISTENTE, LABORIOSO e TÉCNICO”, como afirmavam os jornais da época.
Era considerado um atleta de grande futuro, e Marteletti correspondeu as expectativas. Tomou conta do meio campo santista, e foi de fundamental importância para a conquista do 1º título paulista do Santos, em 1935.
Como jogador do Santos, também defendeu as cores da Seleção Paulista, e continuou sendo a referência do meio de campo.
No início de 1938, Marteletti passou os primeiros meses do ano em Serra Negra, tratando de uma doença. Retornou em março ao Santos, e chegou a atuar em uma partida, porém, suas condições de saúde não estavam boas. Permaneceu sobre uma cama a maior parte da temporada, e veio a falecer no final do ano.
Um triste fim para um dos Campeões Paulistas de 1935.

ESTREIA
10/03/1935 – Santos 3 x 2 Corinthians
Gols: Delso e Mario Seixas (2) – Mamede e Carlito
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Competição: Amistoso
Árbitro: José Alexandrino
SFC: Cyro, Neves e Badu; Marteletti, Ferreira e Ramon; Sacy, Moran, Delso, Mário Seixas (Logu) e Paulinho.
SCCP: José; Jaú e Jarbas (Menfon); Brito, Brandão Munhoz; Antoninho, Baiano, Mamede, Carlito (Ovidio) e Mamedico.
Técnico: Amílcar Barbuy
ÚNICO GOL
22/08/1937 – Hespanha FC 0 x 3 Santos
Gols: Sacy aos 12min do primeiro tempo; Gradim aos 13min e Marteletti aos 39min do segundo tempo.
Local: Estádio Antonio Alonso, Vila Macuco, em Santos.
Competição: Campeonato Paulista
Renda: R 5:000$000
Público: 3.300 aproximadamente
Árbitro: Demósthenes da Silva
SFC: Cyro; Neves e Bompeixe; Marteletti, Figueira e Abreu; Sacy, Zé Carlos, Octávio, Gradim, Ítalo.
Técnico: Camarão (provável)
EFC: Charré; Cativeiro e Ari; Vitor Gonçalves, Dino e Jorge; Jerônimo, Xincha, Chiquinho, Bicuda e Geró.
ULTIMA PARTIDA
20/03/1938 – Santos 1 x 2 América-RJ
Gols: Gradim – Oscar e Pirica
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Competição: Amistoso
Renda: R 20:000$000
Árbitro: Roberto Porto
SFC: Ciro; Neves e Wanderlino; Figueiras, Marteletti e Artigas (Abreu); Ruy, Bazzoni, Gradim, Aurélio e Tom Mix (Saci).
AFC: Tadeu; Vital e Badu; Brito, Og e Possato; Ari, Galego (Oscar), Placido, Carola e Pirica.

• Jogos e gols:
1935 – 30 jogos e 00 gol;
1936 – 27 jogos e 00 gol;
1937 – 34 jogos e 01 gol;
1938 – 01 jogo e 00 gol;
Total: 92 jogos e 01 gol

Fontes e Referências:
Centro de Memória e Estatísticas do Santos FC;
Almanaque do Santos FC;
Jornal “Mundo Esportivo”;
Jornal “A Tribuna”;
Jornal “A Gazeta Esportiva”;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *