Nelsinho Baptista – 1977-1981

Published On 27/08/2015 | Ex-Atletas
Por Gabriel Santana, 
Santos, 27/08/2015
Atualizado, 22/07/2016

Nome completo – Nelson Baptista Júnior
Período – 1977-1981
Posição – Lateral-Direito
Nascimento – 22 de julho de 1950, em Campinas, São Paulo.
Jogos – 229
Gols – 10
Histórico – Iniciou sua carreira na Ponte Preta, em 1967, e após ficar 6 anos no São Paulo, foi contratado pelo Santos no final de 1977, aos 27 anos. Logo assumiu a titularidade, e realizou bons jogos com a camisa santista. Em 1978, foi peça fundamental para a conquista do Campeonato Paulista de 1978. Por se tratar de um time muito jovem, Nelsinho era um dos mais experientes, e foi um dos líderes da equipe.
Ficou na Vila Belmiro até 1981, quando se transferiu para o Juventus, onde encerrou sua carreira.
Após pendurar as chuteiras, iniciou sua carreira de treinador, em 1985, quando assumiu o São Bento de Sorocaba. Comandou o Santos em 2005, em 13 jogos, com 3 vitórias, 3 empates e 7 derrotas.

ESTREIA
06/11/1977 – Santos 0 x 1 Botafogo-SP
Gol: Terto aos 40min do primeiro tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Competição: Campeonato Brasileiro
Público: 24.878 pagantes e 2.080 menores
Renda: Cr$ 795.340,00
Árbitro: Oscar Scolfaro
Santos: Ernâni; Nelsinho Baptista, Alfredo, Neto e Gilberto; Carlos Roberto, Bianchi e Juary; Reinaldo (Toinzinho), Evilásio (Nilton Batata) e João Paulo. Técnico: Alfredo Ramos
Botafogo: Aguilera; Wilson Campos, Manoel, Celso e Mineiro; Lorico, Alexandre Bueno (Osmarzinho) e João Carlos; Terto, Sócrates (Zito) e Arlindo.
PRIMEIRO GOL
23/02/1978 – Kindermam-SC 1 x 1 Santos
Gols: Nelsinho Batista; Cabinho.
Local: Estádio Carlos Alberto da Costa Neves, em Caçador, Santa Catarina.
Competição: Amistoso
Renda: Cr$ 165.000,00
Árbitro: Leonardo Della Vecchia
Kindermam: Galina; Paraná, Miúdo, Zé Carlos e Vilmar; Gildo, Zeca (Jorge) e Celsinho (Délcio); Orlando (Maneca), Cabinho e Claudinho (Mica).
Santos: Willians; Nelsinho Baptista, Joãozinho, Fernando e Fausto; Clodoaldo (Bianchi), Pita (Aílton Lira) e Nelson Borges (Juary); Célio, Marco Antônio e João Paulo. Técnico: Ramos Delgado
ULTIMA PARTIDA
12/04/1981 – São Paulo 2 x 1 Santos
Gol: Pita aos 46min do primeiro tempo; Paulo César aos 4min e Serginho aos 8min do segundo tempo.
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo.
Competição: Campeonato Brasileiro, Oitavas de Finais.
Público: 59.766 pagantes
Renda: Cr$ 12.131.550,00
Árbitro: José Roberto Wright
Expulsos: João Paulo, Nelsinho Baptista e Zé Sérgio.
São Paulo: Valdir Perez; Getúlio, Oscar, Dario Pereyra e Nelsinho (Chiquito); Almir, Heriberto e Renato (Everton); Paulo Cesar, Serginho e Zé Sérgio. Técnico: Ithon Fritzen
Santos: Marolla; Nelsinho Baptista, Joãozinho, Márcio Rossini e Washington; Gilberto Costa (Rubens Feijão), Toninho Vieira e Pita; Claudinho (Paulinho), Aluísio e João Paulo. Técnico: Sérgio Clérice

• Jogos e gols marcados:
1977 – 11 jogos
1978 – 68 jogos e 1 gol
1979 – 80 jogos e 6 gols (2 de pênalti) – 1 jogo (não oficial)
1980 – 56 jogos e 1 gol – 2 jogos (não oficiais)
1981 – 14 jogos e 2 gols (1 de pênalti) (1 expulsão)
Total – 229 jogos e 10 gols (3 de pênalti) – 3 jogos (não oficiais)

Fonte:
ASSOPHIS (Associação dos Pesquisadores e Historiadores do Santos FC );
Historiador e Professor Guilherme Nascimento;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *