Pré-jogo histórico – Santos x América-MG

Published On 11/12/2016 | Pré-Jogo Histórico
Por Antônio Felipe
Santos, 11/12/2016

Neste domingo, às 17h, na Vila Belmiro, o Santos enfrenta a equipe do América-MG pela última rodada do Campeonato Brasileiro de 2016. O Peixe é o terceiro colocado do certame com 68 pontos, enquanto a equipe mineira é a lanterna da competição com 28 pontos.
A rodada que seria disputada na semana anterior será realizada após duas semanas sem futebol em virtude do desastre ocorrido na Colômbia, que vitimou grande parte do elenco da Chapecoense, além de profissionais da imprensa e tripulantes. Em homenagem as vítimas e em agradecimento ao Atlético Nacional, adversário do clube catarinense na final da Copa Sul-Americana, o Santos irá entrar em campo com detalhes em verde na camisa, além de estampar os escudos dos dois clubes.
O Santos deve ir com força máxima para o jogo. Elano que já anunciou sua despedida dos gramados deve começar no banco de reservas. Dorival Júnior provavelmente escalará o time titular com Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz, Yuri e Zé Carlos; Thiago Maia, Renatinho, Lucas Lima e Vitor Bueno; Copete e Ricardo Oliveira.
Com o campeão já decidido, o Alvinegro da Vila pensa agora no vice-campeonato. Para isso, o Peixe precisa vencer o América e torcer por um tropeço do Flamengo que joga contra o Atlético-PR em Curitiba. O segundo lugar dará ao Santos um bom retorno financeiro.
Santos e América-MG já se enfrentaram dez vezes pelo Brasileirão. O Peixe leva uma boa vantagem nos números com seis vitórias, três empates e um triunfo da equipe de Minas Gerais. No primeiro turno do campeonato deste ano, o Peixe, então líder da competição, enfrentou o América no estádio Independência e foi derrotado pelo placar de 1×0. Uma vitória naquela ocasião daria ao Santos o simbólico título do primeiro turno do Brasileiro.
Quem já esteve do lado de cá
Eder Lima (Santos 2011) –O polivalente jogador pode atuar como zagueiro, lateral esquerdo e volante. Eder vinha se destacando no Vila Nova na série B em 2011 e foi trazido ao Peixe a pedido do treinador Muricy Ramalho. No Santos, contudo, não conseguiu atuar bem e foi liberado no final do ano após disputar seis partidas e não marcar nenhum gol. 
Nilson (Santos 2015) – Após disputar o Paulista de 2015 pelo São Bento, Nilson chegou ao Santos para ser  peça de reposição no ataque. O centroavante não conseguiu brilhar e deixou a equipe no final do ano com 16 jogos e apenas um gol marcado. 
Enderson Moreira (Santos 2014-2015) – O treinador chegou ao Peixe durante a disputa do Brasileirão de 2014. Enderson seguiu no comando da equipe até a metade do Campeonato Paulista. O Santos,a te então, estava invicto na competição, contudo, o motivo da saída do treinador não foi ténico. O comandante havia dado declarações que não foram bem aceitas pelo presidente do Santos, Modesto Roma. No total, Enderson comandou o Peixe em 30 partidas, foram 16 vitórias, três empates e nove derrotas.




Uma vitória tranquila na Vila
O Santos recebeu o América-MG na Vila pelo Brasileirão de 2000 e conseguiu uma vitória com muita autoridade pelo placar de 3×0. Robert, duas vezes, e Edmundo fizeram os gols do Alvinegro da Vila. Abaixo a ficha técnica do confronto:
16/08/2000 – Santos 3 x 0 América-MG
Gols: Edmundo aos 5min e Robert aos 26min e aos 33min do segundo tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Competição: Campeonato Brasileiro de 2000
Público: 2.762
Árbitro: Heber Roberto Lopes
SFC: Pitarelli; Michel, André Luis (Preto), Claudiomiro e Rubens Cardoso; Anderson Luiz (Sangaletti), Renatinho (Caio), Rincón e Robert; Edmundo e Dodô. Técnico: Giba
AMG: Milagres; Pintado, Wellington Paulo, André e Augusto; Carlos Alberto (Ruy), Edgar, Claudinei e Arílson (Fabrício); Wellington Amorim e Celso (Rinaldo). Técnico: Jair Pereira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *