Pré-jogo histórico – Santos x São Paulo

Published On 28/10/2017 | Pré-Jogo Histórico
Por Antônio Felipe,
Santos, 28/10/2017

Neste sábado, às 17h, no estádio do Pacaembu, em São Paulo, o Santos enfrenta a equipe do São Paulo pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2017. O Peixe atualmente é o terceiro colocado do certame com 53 pontos, enquanto o rival do Morumbi detém a 14ª posição com 37.
Após uma semana inteira para trabalhar, o Alvinegro da Vila volta a campo pelo Brasileirão. O técnico Levir Culpi conta com os retornos de Bruno Henrique e Victor Ferraz. Em compensação ganha mais um novo problema para a equipe. O lateral direito Zeca não deve jogar mais pelo Santos após a divulgação de seu desejo de rescindir o contrato com o clube. O time não foi definido pelo treinador, deve ser algo parecido com Vanderlei; Victor Ferraz (Daniel Guedes), David Braz, Lucas Veríssimo e Jean Mota; Alison (Matheus Jesus), Renatinho (Matheus Jesus), Serginho (Matheus Jesus ou Copete) e Lucas Lima; Bruno Henrique e Ricardo Oliveira.
Em meio a tantos problemas e com a tentativa de recuperar um bom futebol, o Peixe luta para conquistar o Brasileirão. A distância atual para o líder é de seis pontos a oito jogos do fim. O Palmeiras tem a mesma pontuação do Santos e está na frente na tabela por ter mais vitórias e se credencia como mais um concorrente ao título.
Santos e São Paulo já se enfrentaram 66 vezes pelo Brasileirão. O Peixe venceu em 25 oportunidades, com  14 empates e 27 triunfos da equipe tricolor. No primeiro  turno deste ano, na Vila Belmiro, o Alvinegro da Vila venceu o Tricolor pelo placar de 3×2 com três gols marcados pelo atacante colombiano Copete.

Quem já esteve do lado de cá
Téc. Dorival Júnior (Santos 2010/2015-2017) – Treinador já com certa experiência, Dorival Júnior chegou para comandar o Santos no início da temporada de 2010. O técnico conseguiu montar uma verdadeira máquina de fazer gols. O Peixe encantou o futebol brasileiro no primeiro semestre daquele ano. A equipe faturou o Paulista e também a Copa do Brasil. Após problemas com a direção do clube, Júnior deixou o comando do time antes do final da temporada. Cinco anos depois retornou à baixada. O Santos fazia campanha pífia no Brasileirão e conseguiu se recuperar bem e ainda chegou à decisão da Copa do Brasil. No ano seguinte faturou mais um Paulistão e foi vice do Brasileirão. Em 2017 as coisas não andaram bem e o treinador deixou a equipe no começo do campeonato nacional. No total dirigiu o Santos em 181 partidas com 111 vitórias, 34 empates e 44 derrotas.

Vitória da eficiência
No ano passado, as diretoria de Santos e São Paulo entraram em acordo e os dois jogos entre as equipes pelo Brasileirão foram disputadas no estádio do Pacamebu. No segundo turno o mandante foi o time do Morumbi em jogo com torcida única. O Santos teve muitas dificuldades durante o jogo. O time do Peixe mal conseguia criar boas situações de gol. O São Paulo até se apresentou melhor, mas não conseguiu marcar gol. No início do segundo tempo em uma boa jogada de ataque, Copete abriu o placar para o Santos. O São Paulo até tentou pressionar, mas o Alvinegro Praiano se defendeu bem e voltou para casa com um belo placar de 1×0 no clássico San-São. Abaixo a ficha técnica do confronto:
13/10/2016 – São Paulo 0 x 1 Santos
Gol: Copete a 1min do segundo tempo.
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Renda: R$ 570.430,00
Público: 29.314
Árbitro: Anderson Daronco
Cartões Amarelos: Zeca e Copete (S); Mena e Robson (SP)
SFC: Vanderlei; Victor Ferraz (Daniel Guedes), Luiz Felipe, David Braz e Zeca; Renato (Fabian Noguera), Thiago Maia e Lucas Lima (Yuri); Jean Mota, Copete e Ricardo Oliveira. Técnico: Dorival Júnior
SPFC: Denis; Buffarini, Rodrigo Caio, Maicon e Mena; Hudson (Jean Carlos), Thiago Mendes, Wesley (Cueva) e Carlinhos (Kelvin); Robson e Andres Chavez. Técnico: Ricardo Gomes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *