Taça Brasil – 1963

Published On 17/03/2014 | Campeonato Brasileiro, Títulos
Por Gabriel Santana
Santos, 17/03/2014

Invicto e com 100% de aproveitamento, o Santos conquistou o seu terceiro Título Brasileiro, derrotando o Campeão Gaúcho e o Campeão Baiano.
A final entre Santos e Bahia, se repetiu pela 3º vez, já que em 1959 e 1961, as equipes já tinham disputado o título.
Devido ao acúmulo no calendário, o Brasileiro de 1963 foi disputado no início de 1964.

SEMIFINAIS
16/01 – Grêmio 1 x 3 Santos – Gols: Coutinho [2] e Pelé; Olímpico
19/01 – Santos 4 x 3 Grêmio – Pelé [3] e Pepe; Pacaembu
FINAIS
25/01 – Santos 6 x 0 Bahia – Gols: Pelé [2], Pepe [2], Coutinho e Mengálvio; Pacaembu
28/01 – Bahia 0 x 2 Santos – Gols: Pelé [2]; Fonte Nova
Campanha:
CAMPEÃO – 04 jogos – 04 vitórias – 15 GP – 04 GC – 11 SG
Artilheiros:
08 Gols: Pelé
03 Gols: Pepe e Coutinho
01 Gol: Mengálvio
Fichas Técnicas:
16/01/1964 – Grêmio 1 x 3 Santos
Gols: Coutinho [2] e Pelé; Paulo Lumumba
Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul.
Público: 50.000 aproximadamente
Renda: Cr$ 21.327.000,00
Árbitro: Eunápio de Queiroz
Santos: Gylmar; Dalmo, João Carlos, Haroldo e Geraldino; Zito e Lima; Dorval, Coutinho, Pelé e Batista. Técnico: Lula.
Grêmio: Alberto; Valério, Airton, Aureo e Ortunho; Cléo e Joãozinho; Marino (Madureira) , Paulo Lumumba, Mílton e Vieira
19/01/1964 – Santos 4 x 3 Grêmio
Gols: Pelé [3] e Pepe; Paulo Lumumba [2] e Marino
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Renda: Cr$ 11.931.500,00
Árbitro: Teodoro Nitti
Expulsão: Gylmar (SFC); Pelé foi para o Gol.
Santos: Gylmar; Dalmo, João Carlos (Joel Camargo), Haroldo e Geraldino; Zito e Lima; Batista , Coutinho, Pelé e Pepe. Técnico: Lula.
Grêmio: Alberto; Valério, Airton, Aureo e Ortunho; Cleo e Milton; Marino, Joãozinho, Paulo Lumumba e Vieira
25/01/1964 – Santos 6 x 0 Bahia
Gols: Pelé [2], Pepe [2], Coutinho e Mengálvio
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Renda: Cr$ 12.432.800,00
Árbitro: Armando Marques
Santos: Gylmar; Ismael, Mauro, Haroldo e Geraldino; Lima e Mengálvio; Dorval, Coutinho, Pelé e Pepe. Técnico: Lula.
Bahia: Nadinho; Henrique, Ivan, Hélio, Roberto, Nilsinho, Valencia (Vermelho), Vevê , Hamilton, Mário e Biriba
28/01/1964 – Bahia 0 x 2 Santos
Gols: Pelé aos 28min do primeiro tempo; Pelé aos 40min do segundo tempo.
Local: Estádio Fonte Nova, em Salvador, Bahia.
Público: 35.365 pagantes
Renda: 21.083.300,00
Árbitro: Armando Marques
Santos: Gylmar; Ismael (Joel Camargo), Mauro, Haroldo e Geraldino; Lima e Mengálvio; Dorval, Coutinho, Pelé e Pepe. Técnico: Lula.
Bahia: Nadinho; Henrique, Russo (Ivan), Hélio, Roberto, Nilsinho, Miro, Vevê, Hamilton, Mário e Biriba

One Response to Taça Brasil – 1963

  1. Ademir Campos CostA says:

    Estive presente no Pacaembú em 1963 no jogo Santos x Gremio quando Gilmar foi expulso.
    O Pele fez 3 gols naquela partida, foi escalado para substituir Gilmar no gol, fazendo duas excelentes defesas e o estádio inteiro quase veio abaixo pelo o atleta que ele demonstrou, jogando também no gol.
    Nunca ví o vídeo do Pelé naquele dia fazendo essas defesas, mas pude ver esta partida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *