Taça Brasil – 1965

Published On 07/04/2014 | Campeonato Brasileiro, Títulos
Por Gabriel Santana
Santos, 07/04/2014
Atualizado, 08/12/2016

O Santos conquistou pela 5º vez consecutiva o Campeonato Brasileiro, tornando-se o primeiro clube pentacampeão do Brasil!
Com mais um Título Brasileiro, o Santos teria que participar da Taça Libertadores de 1966, porém, o time de Vila Belmiro sempre preferiu excursionar pelo mundo, pois era bem mais lucrativo na época. Aproveitando o ensejo, devido aos preparativos para a Copa do Mundo de 66 na Inglaterra (quando convocou 46 atletas, sendo 7 pertencentes ao elenco do Santos), a CBD entrou em acordo com o time santista, e não o inscreveu para a disputa.

SEMIFINAIS
03/11 – Santos 4 x 2 Palmeiras – Gols: Toninho [3] e Abel; Pacaembu
10/11 – Palmeiras 1 x 1 Santos – Gol: Pelé; Pacaembu
FINAIS
01/12 – Santos 5 x 1 Vasco – Gols: Dorval [2], Toninho [2] e Coutinho; Pacaembu
08/12 – Vasco 0 x 1 Santos – Gol: Pelé; Maracanã
Campanha:
Campeão – 04 jogos – 03 vitórias – 01 empate – 11 GP – 04 GC – 07 SG
Artilheiros:
05 Gols: Toninho
02 Gols: Pelé e Dorval
01 Gol: Abel e Coutinho
SAIBA MAIS >
Pentacampeão do Brasil;

Fichas Técnicas:
03/11/1965 – Santos 4 x 2 Palmeiras
Gols: Toninho [3] e Abel; Ademar Pantera e Rinaldo
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 29.385
Renda: Cr$ 45.029.500,00
Árbitro: Airton Vieira de Morais
Santos: Gilmar; Carlos Alberto, Mauro, Orlando e Geraldino; Lima e Mengálvio;
Dorval, Toninho, Pelé e Abel. Técnico: Lula
Palmeiras: Donáh; Djalma Santos, Djalma Dias, Procópio (Valdemar Carabina) e Ferrari; Zequinha e Dudu; Dario, Servílio, Ademar Pantera e Rinaldo.
Técnico: Mário Travaglini
10/11/1965 – Palmeiras 1 x 1 Santos
Gols: Pelé aos 6min do primeiro tempo; Ademar aos 21min do segundo tempo.
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 26.846
Renda: Cr$ 42.483.000,00
Árbitro: Aírton Vieira de Morais
Santos: Gilmar; Carlos Alberto, Mauro, Orlando e Geraldino; Lima e Mengálvio;
Dorval, Coutinho (Del Vecchio) Pelé e Pepe. Técnico: Lula
Palmeiras: Donáh; Djalma Santos, Djalma Dias, Valdemar Carabina e Ferrari; Dudu e Ademir da Guia; Julinho (Ademar Pantera), Servílo, Dario e Rinaldo.
Técnico: Mário Travaglini
01/12/1965 – Santos 5 x 1 Vasco
Gols: Dorval [2], Toninho [2] e Coutinho; Célio
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 16.764
Renda: Cr$ 27.462.000,00
Árbitro: Romualdo Arpi Filho
Santos: Gilmar; Carlos Alberto, Mauro, Orlando e Geraldino; Lima e Mengálvio;
Dorval, Coutinho (Toninho), Pelé e Pepe. Técnico: Lula
Vasco: Gainete; Ari, Caxias, Ananias e Odair; Maranhão e Saulzinho; Zezinho,
Célio, Lorico (Luisinho) e Danilo Menezes. Técnico: Zezé Moreira
08/12/1965 – Vasco 0 x 1 Santos
Gol: Pelé aos 22min do segundo tempo.
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro.
Público: 38.788
Renda: Cr$ 45.826.280,00
Árbitro: Armando Marques
Expulsões: Zezinho, Lima, Pelé, Geraldino, Ananias, Orlando e Luisinho.
Santos: Gilmar; Carlos Alberto, Mauro, Orlando e Geraldino; Lima e Mengálvio;
Dorval, Coutinho, Pelé e Pepe (Abel). Técnico: Lula
Vasco: Gainete; Joel, Caxias, Ananias e Oldair; Maranhão e Danilo; Mário, Nivaldo (Luizinho), Célio e Zezinho. Técnico: Zezé Moreira
– Ocorrências: Enormes confusões protagonizaram as diversas expulsões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *