Taça Libertadores da América – 2003

Published On 06/04/2014 | Taça Libertadores
Por Gabriel Santana
Santos, 06/04/2014
Atualizado, 02/03/2017

Após um longo período sem disputar a Taça Libertadores, o Santos chegou a decisão com muitos méritos, e ficou com o honroso vice-campeonato.

PRIMEIRA FASE – GRUPO 03
05/02 – América de Cali-COL 1 x 5 Santos – Gols: Léo, Alex, Ricardo Oliveira [2] e Diego; Pascual Guerrero
20/02 – Santos 3 x 1 12 de Octubre-PAR – Gols: Elano, Ricardo Oliveira e Nenê; Vila Belmiro
12/03 – El Nacional-EQU 0 x 0 Santos; Olímpico Atahualpa
19/03 – Santos 3 x 0 América de Cali-COL – Gols: Diego, Robinho e Ricardo Oliveira; Vila Belmiro
25/03 – 12 de Octubre-PAR 1 x 4 Santos – Gols: Robinho, Diego, Nenê e Ricardo Oliveira; Coronel Antonio Sarubbi
16/04 – Santos 1 x 1 El Nacional-EQU – Gol: Ricardo Oliveira; Vila Belmiro
Campanha:
1º Lugar – 06 jogos – 04 vitórias – 02 empates – 16 GP – 04 GC
OITVAS DE FINAIS
23/04 – Nacional-URU 4 x 4 Santos – Gols: Alex, Ricardo Oliveira [2] e Robinho; Centenário
07/05 – Santos 2 [3] x [1] 2 Nacional-URU – Gols: Ricardo Oliveira e André Luis; Vila Belmiro
QUARTAS DE FINAIS
21/05 – Cruz Azul-MEX 2 x 2 Santos – Gols Renato e Diego; Azteca
28/05 – Santos 1 x 0 Cruz Azul-MEX – Gol: Robinho; Vila Belmiro
SEMIFINAIS
04/06 – Santos 1 x 0 Independente de Medellín-COL – Gol: Nenê; Vila Belmiro
18/06 – Independente de Medellín-COL 2 x 3 Santos – Gols Alex, Fabiano e Léo; Atanásio Girardot
FINAIS
25/06 – Boca Juniors-ARG 2 x 0 Santos; La Bombonera
03/07 – Santos 1 x 3 Boca Juniors-ARG – Gol: Alex; Morumbi
Campanha Final:
Vice-Campeão – 14 jogos – 07 vitórias – 05 empates – 02 derrotas – 30 GP – 19 GC
Artilheiros:
09 gols: Ricardo Oliveira
04 gols: Diego, Alex e Robinho
03 gols: Nenê
02 gols: Léo
01 gols: André Luis, Renato, Elano e Fabiano

Jogadores utilizados (23):
14 jogos: Léo, Diego e Robinho
13 jogos: Alex, Paulo Almeida e Renato
12 jogos: Fábio Costa, Elano e Nenê
11 jogos: André Luís, Fabiano e Ricardo Oliveira
06 jogos: Reginaldo Araújo
05 jogos: Pereira e Douglas
04 jogos: Wellington
03 jogos: Michel, Preto, Rubens Cardoso e Daniel
02 jogos: Júlio Sérgio, Alexandre e William

Fichas Técnicas:
05/02/2003 – América de Cali-COL 1 x 5 Santos
Gols: Léo aos 28min, Banguero aos 37min, e Alex aos 38min do primeiro tempo; Ricardo Oliveira aos 13min e aos 44min e Diego aos 15min do segundo tempo.
Local: Estádio Pascual Guerrero, em Cali, na Colômbia.
Público: 10.000 aproximadamente
Árbitro: Luis Solórzano (Venezuela)
Assistentes: Gustavo Bran e Rafael Yañez (Venezuela)
Cartões amarelos: Ricardo Oliveira (S), Bustos (A), Banguero (A)
América: Julián Viáfara; Iván López, Luis Asprilla, Pablo Navarro y Rubin Bustos; Jorge Banguero, Fabián Vargas, James López (Moreno); David Ferreira; Julián Vásquez e Oscar Villarreal (Romero). Técnico: Fernando Castro
Santos: Fábio Costa; Reginaldo Araújo, André Luís, Alex (Preto) e Léo; Paulo Almeida, Renato, Elano e Diego (Fabiano); Robinho (Nenê) e Ricardo Oliveira.
Técnico: Emerson Leão
20/02/2003 – Santos 3 x 1 12 de Octubre-PAR
Gols: Bareiro aos 3min e Elano, aos 18min do primeiro tempo; Ricardo Oliveira aos 18min e Nenê aos 27min do segundo tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Público: 10.343 pagantes
Renda: R$ 146.164,00
Árbitro: René Ortubé (Bolívia)
Auxiliares: Pedro Saucedo e Gregório Chirino (Bolívia)
Cartões amarelos: Tomás González, Arvinigaldez, Gorniak (12 de Octubre); Elano, André Luiz, Alex (Santos)
Santos: Fábio Costa; Michel (Nenê), André Luís, Alex e Léo; Paulo Almeida, Renato, Elano e Diego; Robinho e Ricardo Oliveira. Técnico: Emerson Leão
12 de Octubre: Derlis González; Valdéz, Rolón, Cañete e Amarilla; Ávalos (Monzón), Gorniak, Gómez, Tomás González e Arvinigaldez; Bareiro. Técnico: Alicio Solalinde
12/03/2003 – El Nacional-EQU 0 x 0 Santos
Local: Estádio Olímpico de Atahualpa, em Quito, Equador.
Público: 33.000 aproximadamente
Árbitro: Gilberto Hidalgo (Peru)
Cartões amarelos: Léo, Checa, Reginaldo Araújo e Pereira
El Nacional: Ibarra; De Jesús (Corozo), Anangonó, Guagua e Checa; Burbano, Quiroz, Méndez e Chalá (Eduardo Hurtado); Fernandéz e Gruezo. Técnico: Paulo Massa
Santos: Fábio Costa; Reginaldo Araújo (Pereira), Preto, Alex e Léo; Paulo Almeida, Renatinho, Elano (Nenê) e Diego; Robinho (Fabiano) e Ricardo Oliveira. Técnico: Emerson Leão
19/03/2003 – Santos 3 x 0 América de Cali-COL
Gols: Diego aos 3min e Robinho aos 24min do primeiro tempo; Ricardo Oliveira aos 32min do segundo tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Público: 6.345 pagantes
Renda: R$ 85.268,00
Árbitro: Daniel Giménez (Argentina)
Cartões Amarelos: Navarro, Banguero e Vargas (A); André Luís (S)
Santos: Fábio Costa; Michel, Alex, André Luís e Léo (Rubens Cardoso); Paulo Almeida, Renato, Elano (Nenê) e Diego (Daniel); Robinho e Ricardo Oliveira. Técnico: Emerson Leão
América de Cali: Zapata; Ivan Lopes, Luis Asprila e Tierradentro; Bustos, Banguero (Villareal), Vargas e Ferreira; Navarro, Moreno (José Moreno) e Vasquez. Técnico: Fernando Castro
25/03/2003 – 12 de Octubre-PAR 1 x 4 Santos
Gols: Robinho aos 3min e Diego, aos 38min do primeiro tempo; Nenê aos 33min, Monzon aos 38min e Ricardo Oliveira aos 43min do segundo tempo.
Local: Estádio Coronel Antonio Sarubbi, em Ciudade del Este, Paraguai.
Árbitro: Sergio Pezzota (ARG)
Auxiliares: Claudio Martin (ARG) e Jorge Rattalino (ARG)
Cartões amarelos: André Luís e Elano (Santos); Ignacio Rolón, Arviniagaldez e Bareiro.
12 de Octubre: Derlis Gómez; Ignacio Rolón, Enzo Gorniak e Gustavo Cañete; Jorge Valdez (Monzon), Derlis Martínez (Burgos), Raúl Arviniagaldez, Richard Gómez e Tomás González (Ezio); Walter Avalos e Fredy Bareiro. Técnico: Daniel Raschle
Santos: Fábio Costa; Michel, André Luís, Alex e Léo; Paulo Almeida, Renato, Elano (Fabiano) e Diego (Daniel); Robinho (Nenê) e Ricardo Oliveira. Técnico: Emerson Leão
16/04/2003 – Santos 1 x 1 El Nacional-EQU
Gols: Ricardo Oliveira aos 18min do primeiro tempo; Chalá aos 12min do segundo tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Árbitro: Oscar Sequeira (Argentina)
Auxiliares: Sergio Pezzota (Argentina) e Abraham Serrano (Argentina)
Cartões amarelos: Nenê e Diego (Santos); Brand
Santos: Fábio Costa; Elano, Preto, André Luís e Léo; Alexandre (Wellington), Fabiano (Daniel), Diego e Nenê (Rubens Cardoso); Robinho e Ricardo Oliveira. Técnico: Emerson Leão
El Nacional: Sánchez; Jimmy Brand (Erick de Jesús), Franklin Anangonó, Jorge Guagua e Luis Checa; Juan Carlos Burbano, David Quiroz, Édison Méndez e Cléber Chalá (Cristian Lara); Ángel Fernández e Carlos Grueso. Técnico: Paulo Massa
23/04/2003 – Nacional-URU 4 x 4 Santos
Gols: Alex aos 6min e Ricardo Oliveira aos 44min do primeiro tempo; Guerrero aos 12min, Robinho aos 20min, Peralta aos 26min, Scotti aos 36min, Ricardo Oliveira aos 39min e Benoit aos 51min do segundo tempo.
Local: Estádio Centenário, em Montevidéu, Uruguai.
Árbitro: Horacio Elizondo (Argentina)
Auxiliares: Claudio Martin (Argentina) e Dario Garcia (Argentina)
Cartões amarelos: Eguren, Gustavo Alvez, Benoit e Juarez; André Luís, Elano e Diego (Santos).
Nacional: Munuá; Benoit, Lembo, Daniel Leites e Dadomo (Peralta); Vanzini, Eguren (Scotti), Morales e O’Neill; Guerrero (Juarez) e Gustavo Alvez. Técnico: Daniel Carreño
Santos: Fábio Costa; Reginaldo Araújo, Alex, André Luís e Léo (Rubens Cardoso); Paulo Almeida, Renato (Alexandre), Elano e Diego; Robinho e Ricardo Oliveira. Técnico: Emerson Leão
07/05/2003 – Santos 2 [3] x [1] 2 Nacional-URU
Gols: Ricardo Oliveira aos 9min, Eguren aos 38min e O’Neill aos 42min do primeiro tempo; André Luís aos 20min do segundo tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Árbitro: Héctor Baldassi (Argentina)
Auxiliares: Gabriel Brazenas (Argentina) e Alberto Barrientos (Argentina)
Cartões amarelos: André Luís, Alex, Elano, Ricardo Oliveira, Paulo Almeida (Santos); Eguren, Benoit, Machado, Curbello, Peralta (N)
Pênaltis: Ricardo Oliveira, Elano e Renato marcaram; Fábio Costa defendeu os chutes de Peralta, Morales e Juarez. Munúa fez o único do Nacional.
Santos: Fábio Costa; Elano, Alex, André Luís e Léo; Paulo Almeida, Renato, Nenê (Douglas) e Diego; Robinho e Ricardo Oliveira. Técnico: Emerson Leão
Nacional: Munúa; Benoit, Machado, Mendez e Curbello; Scotti, Vanzini (Juarez), Eguren e Morales; O’Neill (Mendez) e Alvez (Peralta). Técnico: Daniel Carreño
21/05/2003 – Cruz Azul-MEX 2 x 2 Santos
Gols: Palencia aos 18min e Renato aos 21min do primeiro tempo; Palencia aos 5min e Diego aos 32min do segundo Tempo.
Local: Estádio Azteca, na Cidade do México, México.
Árbitro: Óscar Julin Ruiz (Colômbia)
Auxiliares: Fernando Paneso (Colômbia) e Dember Perdomo (Colômbia)
Cartões amarelos: Reginaldo Araújo, Paulo Almeida e William (S), Jiménez e Hernández (C)
Cruz Azul: Pérez; Gutiérrez, Brown, Galindo (Osório) e Jiménez; Hernández, Davino, Campos e Palencia; Chitiva (Ortiz) e Zepeda (Cacho). Técnico: Enrique Meza
Santos: Júlio Sérgio; Reginaldo Araújo (Nenê), Alex, André Luís e Léo; Paulo Almeida, Renato, Elano e Diego; Robinho (Fabiano) e Douglas (William). Técnico: Emerson Leão
28/05/2003 – Santos 1 x 0 Cruz Azul-MEX
Gols: Robinho aos 14min do primeiro tempo.
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Público: 18.977 pagantes
Árbitro: Epifanio Gonzalez (Paraguai)
Auxiliares: Carlos Amarilla (Paraguai) e Amélio Andino (Paraguai)
Cartões amarelos: Campos, Cabrera, Zepeda (Cruz); William, Diego e Júlio Sérgio (Santos)
Cartão vermelho: Brown (Cruz Azul)
Santos: Júlio Sérgio; Wellington, Pereira, Alex e Léo; Paulo Almeida, Renato, Elano (Nenê) e Diego; Robinho (Fabiano) e William (Douglas). Técnico: Emerson Leão
Cruz Azul: Pérez; Osório, Cabrera (Zepeda), Angeles (Gutierrez) e Brown; Jimenez, Hernandez, Corona (Ledesma) e Chitiva; Campos e Palencia. Técnico: Enrique Meza
04/06/2003 – Santos 1 x 0 Independente de Medellín-COL
Gols: Nenê aos 22min do segundo tempo
Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos.
Público: 16.824 pagantes
Renda: R$ 316.660
Árbitro: Carlos Amarilla (PAR)
Auxiliares: Miguel Giacomuzzi (PAR) e Nelson Cano (PAR)
Cartões amarelos: Molina, Perea, Jaramillo, Montoya e Vasquez (Independente); Diego (Santos).
Santos: Fábio Costa; Wellington (Nenê), Pereira, Alex e Léo; Paulo Almeida, Renato, Elano e Diego; Robinho e Fabiano. Técnico: Emerson Leão
Independente: Gonzalez; Calle, Baloy e Perea; Vasquez, Restrepo, Montoya (Alvarez), Moreno, Jaramillo e Cortes; Molina (Serna). Técnico: Víctor Luna
18/06/2003 – Independente de Medellín-COL 2 x 3 Santos
Gols: Moreno aos 14min e Alex aos 37min do primeiro tempo; Fabiano aos 17min, Molina aos 35min e Léo, aos 42min do segundo tempo.
Local: Estádio Atanásio Girardot, em Medellín, Colômbia.
Árbitro: Gilberto Hidalgo (Peru)
Auxiliares: Jorge Jaimes (Peru) e Juan Sulca (Peru)
Cartões amarelos: Fábio Costa (Santos); Jaramillo (Independente)
Independente: González; Calle, Baloy e Perea; Vasquez (Alvarez), Restrepo, Montoya (Serna), Jaramillo e Cortéz; Moreno (Diego Alvarez) e Molina. Técnico: Victor Luna
Santos: Fábio Costa; Reginaldo Araújo (André Luís), Pereira, Alex e Léo; Paulo Almeida, Renato, Elano (Fabiano) e Diego; Robinho (Douglas) e Ricardo Oliveira. Técnico: Emerson Leão
25/06/2003 – Boca Juniors-ARG 2 x 0 Santos
Gols: Delgado aos 32min do primeiro tempo; Delgado aos 38min do segundo tempo.
Local: Estádio La Bombonera, em Buenos Aires, Argentina.
Árbitro: Oscar Ruiz (COL)
Auxiliares: Jorge Luis Arango (COL) e Oswaldo Diaz (COL)
Cartões amarelos: Pereira, Paulo Almeida e André Luis (Santos); Ibarra, Schiavi, Cascini, Cagna e Villareal.
Cartão vermelho: Reginaldo Araújo (Santos).
Boca Juniors: Abbondanzieri; Ibarra, Schiavi, Burdisso e Rodriguez; Battaglia, Cascini e Cagna (Pinto); Delgado, Schelotto (Villareal) e Tévez. Técnico: Carlos Bianchi
Santos: Fábio Costa; Reginaldo Araújo, Pereira (André Luís), Alex e Léo; Paulo Almeida, Renato, Fabiano (Nenê) e Diego; Robinho e Ricardo Oliveira. Técnico: Emerson Leão
03/07/2003 – Santos 1 x 3 Boca Juniors-ARG
Gols: Tevez aos 21min do primeiro tempo; Alex aos 30min, Delgado aos 39min e Schiavi aos 49min do segundo tempo.
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo.
Público: 74.395 pagantes
Renda: R$ 1221.687,00
Árbitro: Jorge Larrionda (Uruguai)
Auxiliares: Fernando Cresci (Uruguai) e Wálter Rial (Uruguai)
Cartões amarelos: Léo, Fabiano e Fábio Costa (Santos); Cascini e Abbondanzieri (Boca Juniors)
Santos: Fábio Costa; Wellington (Nenê), Alex, André Luís e Léo; Paulo Almeida, Renato, Fabiano e Diego; Robinho e Ricardo Oliveira (Douglas). Técnico: Emerson Leão
Boca Juniors: Abbondanzieri; Ibarra, Schiavi, Burdisso e Rodriguez; Battaglia, Cascini, Cagna (Caneo) e Villareal (Jerez); Delgado e Tevez (Cangele). Técnico: Carlos Bianchi

Fontes e Referências:
Almanaque do Santos FC;
Centro de Memória e Estatística do Santos FC;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *