Taça São Paulo – 1962

Published On 26/05/2014 | Torneios Amistosos
Com os preparativos para a Copa do Mundo, o futebol no Brasil praticamente parou, e os clubes ficaram sem atividades.
Com isso, a Federação Paulista de Futebol, inventou a Taça São Paulo. Um torneio bem semelhante à Copa do Brasil, disputado em mata-mata. Os participantes eram os clubes das duas principais divisões de São Paulo.
Como o Santos cedeu vários de seus titulares para a Seleção Brasileira, jogou o torneio com um time praticamente reserva, e todos os outros clubes jogaram completos. O Corinthians, por exemplo, atuou com os seus principais jogadores, pois não teve nenhum jogador chamado para a Seleção.
Mesmo com tantos desfalques, o Alvinegro chegou a final, e ficou com o vice-campeonato.
 1º FASE
15/04/1962 – Santos 3 x 1 Ponte Preta – Gols: Pagão, Dorval e Nenê; Vila Belmiro
18/04/1962 – Ponte Preta 3 x 3 Santos – Gols: Olavo e Nenê [2]; Moises Lucarelli
OITAVAS DE FINAIS
06/05/1962 – Corinthians-PP 2 x 1 Santos – Gol: Zoca; Parque São Jorge de Presidente Prudente
13/05/1962 – Santos 3 x 1 Corinthians-PP – Gols: Tite, Lima e Dorval; Vila Belmiro
QUARTAS DE FINAIS
23/05/1962 – Portuguesa 1 x 2 Santos – Gols: Osvaldo e Nenê; Canindé
26/05/1962 – Santos 2 x 0 Portuguesa – Gols: Pagão e Lima; Vila Belmiro
SEMIFINAIS
07/06/1962 – Santos 2 x 1 Comercial – Gols: Nenê e Dorval; Vila Belmiro
10/06/1962 – Comercial 1 [0] x [0] 0 Santos; Costa Coelho
13/06/1962 – Santos 2 [1] x [0] 2 Comercial – Gols: Lima [2] e Nenê; Pacaembu
FINAIS
16/06/1962 – Corinthians 3 x 1 Santos – Gol: Nenê; Parque São Jorge
21/06/1962 – Santos 3 x 3 Corinthians – Gols: Lima, Dorval e Zoca; Vila Belmiro
Campanha: 11 Jogos; 05 Vitórias; 03 Empates; 03 Derrotas; 22 GP; 18 GC; 04 SG
Artilheiros:
06 Gols: Nenê
05 Gols: Lima
04 Gols: Dorval
02 Gols: Pagão e Zoca
01 Gol: Olavo, Tite e Osvaldo
Fichas Técnicas:
15/04/1962 – Santos 3 x 1 Ponte Preta
Gols: Pagão aos 8min, Dorval aos 21min e Nenê aos 38min do primeiro tempo; Nivaldo aos 36min do segundo tempo.
Local: Vila Belmiro, em Santos.
Renda: Cr$ 210.850,00
Árbitro: João Etzel
Santos: Silas; Olavo e Getúlio; Lima, Formiga e Dalmo; Dorval, Tite, Pagão (Zoca), Bé (Nenê) e Osvaldo. Técnico: Lula
Ponte Preta: Nino; Paranhos (Beto), Esmeraldo e Ascendino; Esnel e Hélio; Nivaldo, Romeiro, Paraguaio (Paulo), Bibe e Jair.
18/04/1962 – Ponte Preta 3 x 3 Santos
Gols: Olavo (p) e Nenê [2]; Romeiro [2] e Jair.
Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, São Paulo.
Renda: Cr$ 402.250,00
Árbitro: Anacleto Pietrobom
Ponte Preta: Nino; Ascendino, Esmeraldo e Ilzo; Esnel e Hélio; Nivaldo (Jair), Romeiro, Paulo, Bibe (Ari) e Ismar (Luiz).
Santos: Silas; Olavo e Getúlio; Lima, Formiga e Dalmo; Dorval, Tite, Zoca (Didi), Nenê e Osvaldo. Técnico: Lula
06/05/1962 – Corinthians-PP 2 x 1 Santos
Gols: Zoca; Paulinho [2]
Local: Estádio Parque São Jorge, em Presidente Prudente, São Paulo.
Renda: Cr$ 498.100,00
Árbitro: Olten Aires de Abreu
Corinthians: Acosta; Luizinho, Costa e Sabiru; Joãozinho e Ipojucan; Milton, Paulinho, Jonas, Zé Amaro e Plínio.
Santos: Silas; Getúlio, Olavo e Dalmo; Lima e Formiga; Dorval, Zoca (Luiz Cláudio), Nenê, Didi (Fioti)(Décio Brito) e Osvaldo. Técnico: Lula
13/05/1962 – Santos 3 x 1 Corinthians-PP
Gols: Tite, Lima e Dorval; Plínio
Local: Vila Belmiro, em Santos.
Renda: Cr$ 190.600,00
Árbitro: Olten Aires de Abreu
Santos: Silas; Getúlio, Olavo e Dalmo; Lima e Formiga; Dorval, Tite, Pagão (Luiz Cláudio), Zoca (Nenê) e Osvaldo. Técnico: Lula
Corinthians: Acosta; Luizinho, Costa e Sabiru; Joãozinho e Ipojucan; Milton, Paulinho, Jonas, Zé Amaro e Plínio (Alcino).
23/05/1962 – Portuguesa 1 x 2 Santos
Gols: Osvaldo e Nenê; Nardo
Local: Estádio Canindé, em São Paulo.
Renda: Cr$ 154.700,00
Árbitro: Anacleto Pietrobom
Portuguesa: Walter; Ditão, Nelson e Lever (Juths); Ocimar e Vilela; Nardo, Sílvio, Nilson (Osvaldo), Didi e Mendes. Técnico: Ipojucan
Santos: Silas (Carlindo); Getúlio, Olavo e Décio Brito; Lima e Formiga; Dorval, Tite, Pagão, Nenê e Osvaldo. Técnico: Lula
26/05/1962 – Santos 2 x 0 Portuguesa
Gols: Pagão aos 22min do primeiro tempo; Lima aos 33min do segundo tempo.
Local: Vila Belmiro, em Santos.
Renda: Cr$ 252.000,00
Árbitro: Olten Aires de Abreu
Santos: Laércio; Getúlio, Olavo e Décio Brito; Lima e Formiga; Dorval, Tite, Pagão, Nenê (Zoca) e Osvaldo. Técnico: Lula
Portuguesa: Walter; Ditão, Nelson e Juths; Odorico e Vilela (Alberto); Nardo, Nilson, Didi, Mendes e Ocimar. Técnico: Ipojucan
07/06/1962 – Santos 2 x 1 Comercial
Gols: Nenê e Dorval; Carlos César
Local: Vila Belmiro, em Santos.
Renda: Cr$ 137.900,00
Árbitro: Olten Aires de Abreu
Santos: Laércio; Getúlio, Olavo e Décio Brito; Lima e Formiga (Fioti); Dorval, Tite, Pagão, Nenê (Zoca) e Osvaldo. Técnico: Lula
Comercial: Aníbal; Antoninho, Japonês e Toninho; Airton e Piter; Babá, Luiz, Paulinho, Carlos César (Edson)(Inaldo) e Cláudio.
10/06/1962 – Comercial 1 [0] x [0] 0 Santos
Gol: Carlos César.
Local: Estádio Costa Coelho, em Ribeirão Preto, São Paulo.
Renda: Cr$ 373.300,00
Árbitro: Benedito Francisco
Comercial: Aníbal; Antoninho (Roberto), Japonês e Toninho; Airton (Inaldo) e Piter; Babá (Leão), Luiz, Paulinho, Carlos César e Cláudio (Edson).
Santos: Laércio; Getúlio, Olavo e Décio Brito; Lima e Formiga; Dorval, Tite, Pagão (Zoca)(Didi), Nenê (Fioti) e Osvaldo. Técnico: Lula
– Na prorrogação o jogo ficou em 0x0, por esse motivo, provocou uma terceira partida.
13/06/1962 – Santos 2 [1] x [0] 2 Comercial
Gols: Paulinho aos 15min do primeiro tempo; Lima aos 29min e aos 38min e Carlos César aos 35min do segundo tempo; Nenê aos 9min do segundo tempo da prorrogação.
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Renda: Cr$ 77.000,00
Árbitro: Catão Montez Junior
Santos: Laércio; Getúlio, Olavo e Décio Brito; Lima e Calvet (Dalmo), Dorval, Tite, Pagão (Zoca), Bé (Nenê) e Osvaldo.
Comercial: Aníbal, Roberto, Japonês e Airton; Piter e Toninho; Babá, Paulinho, Luís (Claudio), Carlos César e Edson (Leão).
– Com a vitória na prorrogação, o Santos classificou-se para a final.
16/06/1962 – Corinthians 3 x 1 Santos
Gols: Nenê; Calvet (c), Manuelzinho e Cássio.
Local: Estádio Parque São Jorge, em São Paulo.
Renda: Cr$ 1.137.750,00
Árbitro: Anacleto Pietrobom
Expulso: Dorval
Corinthians: Cabeção; Augusto, Eduardo e Ari; Cássio e Oreco; Bataglia, Silva (Beirute), Nei (Manuelzinho), Rafael e Ferreirinha. Técnico: Fleitas Solich
Santos: Laércio; Olavo, Getúlio e Décio Brito; Calvet (Fioti) e Dalmo; Dorval, Lima, Pagão (Zoca), Tite e Osvaldo (Nenê). Técnico: Lula
21/06/1962 – Santos 3 x 3 Corinthians
Gols: Silva aos 9min, Lima aos 20min e Rafael aos 44min do primeiro tempo; Dorval aos 4min, Zoca aos 29min e Manuelzinho aos 45min do segundo tempo.
Local: Vila Belmiro, em Santos.
Renda: Cr$ 1.360.100,00
Árbitro: Anacleto Pietrobom (Fatore Euclides Rosa)
Santos: Laércio; Dalmo (Getúlio), Olavo e Décio Brito; Lima e Calvet; Dorval, Tite, Pagão (Bé)(Zoca), Nenê e Osvaldo. Técnico: Lula.
Corinthians: Cabeção; Augusto, Eduardo e Ari; Cassio e Oreco; Bataglia, Silva (Manuelzinho), Nei, Rafael e Ferreirinha. Técnico: Fleitas Solich
– Ocorrências: O árbitro Anacleto Pietrobom sentiu uma contusão, e foi substituído.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *