Técnicos Estrangeiros

Published On 25/04/2014 | Estatísticas, Treinadores
Por Gabriel Santana
Santos, 25/04/2014
O Santos já teve 14 treinadores estrangeiros a frente de sua equipe. O ex-zagueiro Ramos Delgado, é o mais conhecido do grupo e o último estrangeiro a comandar o Alvinegro. Abaixo, confira a lista completa:
• Futebol amador:
1912 – Harold Cross; Irlanda
1916/1919 – Juan Bertone; Uruguai
1919 – Ramón Platero; Uruguai
• Futebol profissional:
1934 – Pedro Mazullo; Uruguai
1934/1935 e 1950 – Caêtano di Domenica; Itália
1937 – Franz Gaspar; Hungria
1939/1940 – Isaac Goldenberg; Áustria
1940/1941 – Dario Letona; Peru
1944 – Ricardo Diez; Uruguai
1946/1947 – Abel Picabéa; Argentina
1948 – Diego Ayala; Paraguai
1951 – Luiz Comitante; Uruguai
1954 – Giuseppe Ottina; Itália
1977/1978 – Ramos Delgado; Argentina
• TOTAL: 14 técnicos estrangeiros; 11 na era profissional e 3 na era amadora.
05 uruguaios, 02 italianos, 02 argentinos, 01 irlandês, 01 húngaro, 01 austríaco, 01 peruano e 01 paraguaio.
• Em números
1 – Abel Picabéa; 71 Jogos; 38 Vitórias; 15 Empates; 18 Derrotas
2 – Dario Letona; 64 Jogos; 30 Vitórias; 11 Empates; 23 Derrotas
3 – Isaac Goldenberg; 40 Jogos; 18 Vitórias; 12 Empates; 10 Derrotas
4 – Caêtano di Domenica; 27 Jogos; 11 Vitórias; 04 Empates; 12 Derrotas
5 – Ramos Delgado; 26 Jogos; 09 Vitórias; 09 Empates; 08 Derrotas
6 – Pedro Mazullo; 19 Jogos; 07 Vitórias; 04 Empates; 08 Derrotas
7 – Giuseppe Ottina; 15 Jogos; 04 Vitórias; 05 Empates; 06 Derrotas
8 – Luiz Comitante; 13 Jogos; 08 Vitórias; 02 Empates; 03 Derrotas
9 – Ricardo Diez; 05 Jogos; 02 Vitórias; 01 Empate; 02 Derrotas
10 – Franz Gaspar; 02 Jogos; 02 Empates
11 – Diego Ayala; 02 Jogos; 02 Derrotas
Fontes e Referências:
Centro de memória e Estatísticas do Santos;
Almanaque do Santos, de Guilherme Nascimento;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *