Torneio Rio-São Paulo – 1952

Published On 23/03/2014 | Torneio Rio-São Paulo
TURNO ÚNICO
03/02 – Botafogo 2 x 1 Santos – Gol: Pascoal; Maracanã
09/02 – Santos 4 x 1 Flamengo – Gols: Cento e Nove [2], Nicácio e Tite; Pacaembu
13/02 – Santos 2 x 0 Palmeiras – Gols: Nicácio e Cento e Nove; Pacaembu
21/02 – Santos 4 x 2 Corinthians – Gols: Odair [2], Cento e Nove e Nicácio; Pacaembu
01/03 – Bangu 3 x 2 Santos – Gols: Nicácio e Odair; Maracanã
05/03 – Portuguesa 5 x 1 Santos – Gol: Pascoal; Pacaembu
08/03 – Santos 3 x 2 Fluminense – Gols: Antoninho [2] e Alemão; Pacaembu
16/03 – Vasco 3 x 1 Santos – Gol: Odair; Maracanã
26/03 – Santos 2 x 1 São Paulo – Gols: Alemão e Odair; Pacaembu
Campanha: 5º Lugar; 09 Jogos; 05 Vitórias; 04 Derrotas; 20 GP; 19 GC; 01 SG
Artilheiros:
05 Gols: Odair
04 Gols: Nicácio e Cento e Nove
02 Gols: Antoninho, Alemão e Pascoal
01 Gol: Tite
Fichas Técnicas:
03/02/1952 – Botafogo 2 x 1 Santos
Gols: Pascoal; Paraguaio e Braguinha.
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro.
Público: 15.302
Renda: Cr$ 215.564,50
Árbitro: Mead
Botafogo: Osvaldo; Gerson e Nilton Santos; Arati, Ruarinho e Juvenal; Paraguaio (Zezinho), Geninho, Perio (Aristo), Otávio e Braguinha.
Santos: Manga; Hélvio e Olavo; Nenê, Formiga e Pascoal; Alemãozinho (Cento e Nove), Antoninho, Nicácio, Odair e Tite. Técnico: Aymoré Moreira
09/02/1952 – Santos 4 x 1 Flamengo
Gols: Nicácio aos 45min do primeiro tempo; Cento e Nove aos 3min e aos 42min, Nestor aos 27min e Tite aos 32min do segundo tempo.
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Renda: Cr$ 181.860,00
Público: 10.900 aproximadamente
Árbitro: Mead
Santos: Manga; Hélvio e Olavo; Nenê, Formiga e Pascoal; Cento e Nove, Antoninho, Nicácio, Odair (Nando) e Tite. Técnico: Aymoré Moreira
Flamengo: Garcia; Biguá e Pavão; Bria, Dequinha (Aristóbolo) e Jordan; Joel, Hermes (Aloísio), Adãozinho (Nestor), Rubens e Esquerdinha. Técnico: Flavio Costa
13/02/1952 – Santos 2 x 0 Palmeiras
Gols: Nicácio aos 22min do primeiro tempo; Cento e Nove aos 13min do segundo tempo.
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Renda: Cr$ 202.850,00
Público: 12.100 aproximadamente
Árbitro: Aldridge
Expulso: Liminha (Palmeiras)
Santos: Manga; Hélvio e Olavo (Expedito); Nenê, Formiga e Pascoal; Cento e Nove, Antoninho, Nicácio, Odair e Tite. Técnico: Aymoré Moreira
Palmeiras: Fabio; Sarno (Salvador) e Juvenal; Waldemar Fiúme, Luiz Villa e Dema; Liminha, Aquiles (Ponce de Leon), Cilas, Canhotinho e Rodrigues.
Técnico: Ventura Cambon
21/02/1952 – Santos 4 x 2 Corinthians
Gols: Cento e Nove aos 2min e Odair aos 42min do primeiro tempo; Baltazar aos 5min e aos 13min, Odair aos 16min e Nicácio aos 32min do segundo tempo.
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Renda: Cr$ 280.230,00
Público: 16.800 aproximadamente
Árbitro: Ellis
Santos: Manga (Luís); Hélvio e Olavo; Nenê, Formiga e Pascoal; Cento e Nove, Antoninho (Nando), Nicácio, Odair e Tite. Técnico: Aymoré Moreira
Corinthians: Cabeção; Murilo e Julião; Idário, Lorena e Roberto; Carbone, Luizinho, Baltazar, Jackson (Nelsinho) e Mário (Nardo). Técnico: Rato
01/03/1952 – Bangu 3 x 2 Santos
Gols: Nicácio e Odair; Nívio, Calixto e Menezes
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro.
Público: 18.586 pagantes
Renda: Cr$ 290.696,00
Árbitro: Harry Hartles
Bangu: Oswaldo Topete; Guálter e Torbis; Alaíne, Lito e Mirim; Menezes, Calixto, Zizinho, Djalma e Nívio. Técnico: Ondino Vieira.
Santos: Manga; Hélvio e Olavo; Nenê, Formiga (Expedito) e Pascoal; Cento e Nove, Antoninho, Nicácio (Hamilton), Odair e Tite. Técnico: Aymoré Moreira
05/03/1952 – Portuguesa 5 x 1 Santos
Gols: Pascoal; Pinga [4] e Renato
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 10.900 aproximadamente
Renda: Cr$ 181.865,00
Árbitro: Aldridge
Portuguesa: Muca; Nena e Noronha (Hermínio); Santos, Brandãozinho e Carlos; Julinho, Renato (Leopoldo), Nininho, Pinga e Simão. Técnico: Jim Lopes
Santos: Manga; Hélvio e Olavo; Nenê, Formiga e Pascoal; Alemãozinho, Cento e Nove (Nando), Nicácio (Alemão), Odair e Tite. Técnico: Aymoré Moreira
08/03/1952 – Santos 3 x 2 Fluminense
Gols: Antoninho [2] e Alemão; Simões [2]
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 11.807 pagantes
Renda: Cr$ 196.585,00
Árbitro: Ellis
Santos: Manga; Hélvio e Olavo; Nenê, Formiga e Pascoal; Cento e Nove, Antoninho, Nicácio, Odair (Alemão) e Tite. Técnico: Técnico: Aymoré Moreira
Fluminense: Castilho; Píndaro e Pinheiro; Jair Santana, Edson (Vitor) e Bigode; João Carlos, Orlando “Pingo de Ouro” (Marinho), Simões, Robson e Quincas (Raul).
Técnico: Zezé Moreira
16/03/1952 – Vasco 3 x 1 Santos
Gols: Odair; Friaça [2] e Noca.
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro.
Público: 33.965 pagantes + 6.795 gratuitos (40.760 pessoas)
Renda: Cr$ 714,007.00
Árbitro: Hartless
Vasco: Barbosa (Ernâni); Jorge e Clarel; Ely, Danilo (Aldemar) e Alfredo (Lola); Noca, Ademir, Friaça, Ipojucan e Jansen.
Santos: Manga; Hélvio e Olavo; Nenê, Formiga e Pascoal; Cento e Nove, Antoninho, Nicácio, Odair (Alemão) e Tite (Alemãozinho). Técnico: Aymoré Moreira
26/03/1952 – Santos 2 x 1 São Paulo
Gols: Alemão e Odair; Arbella
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 8.500 aproximadamente
Renda: Cr$ 149.340,00
Árbitro: Ellis
Santos: Manga; Hélvio e Expedito; Nenê, Formiga e Pascoal; Alemão (Nicácio), Odair, Antoninho, Cento e Nove e Tite. Técnico: Aymoré Moreira
São Paulo: Poy; Pé de Valsa e Mauro; Bauer, Edson e Turcão; Maurinho, Bibe, Albella, Moreno e Lafaiete (Alcino). Técnico: Vicente Feola

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *