Torneio Roberto Gomes Pedrosa – 1968

Published On 15/03/2014 | Campeonato Brasileiro, Títulos
Por Gabriel Santana
Santos, 15/03/2014
Atualizado, 10/12/2016

Com a mesma fórmula de disputa da edição passada, o Santos conquistou o Torneio Roberto Gomes Pedrosa de 1968, o seu 6º Título Brasileiro.
Com o título, o Alvinegro teria direito de disputar a Taça Libertadores de 1969, porém, a CBD não inscreveu o Santos e o Internacional (vice-campeão) na competição Sul-Americana. O técnico da Seleção, João Saldanha, convocou 9 jogadores do Santos para as eliminatórias da Copa do Mundo de 1970, e aproveitando o desinteresse do Peixe pela competição, a CBD liberou o time santista para fazer excursões pelo mundo, tendo em vista que as excursões representavam muito mais lucros para o clube.

PRIMEIRA FASE – GRUPO B
08/09 – Atlético-PR 3 x 2 Santos – Gols: Toninho e Edu; Durival de Brito
15/09 – Flamengo 0 x 2 Santos – Gols: Edu e Toninho; Maracanã
18/09 – Santos 0 x 0 Palmeiras; Pacaembu
21/09 – Santos 2 x 1 Fluminense – Gols: Pelé e Toninho; Morumbi
25/09 – Santos 1 x 1 Bangu-RJ – Gol: Toninho; Pacaembu
29/09 – Vasco 3 x 2 Santos – Gols: Toninho [2]; Maracanã
06/10 – Corinthians 1 x 2 Santos – Gols: Toninho e Pelé; Morumbi
10/10 – Santos 9 x 2 Bahia – Gols: Toninho [4], Pelé [3], Negreiros e Douglas; Pacaembu
13/10 – Santos 2 x 0 Cruzeiro – Gols: Pelé e Toninho; Morumbi
16/10 – Portuguesa 0 x 2 Santos – Gols: Abel e Toninho; Parque Antártica
20/10 – São Paulo 0 x 0 Santos; Morumbi
23/10 – Internacional 1 x 3 Santos – Gols: Toninho, Edu e Pelé; Olímpico
27/10 – Náutico 0 x 3 Santos – Gols: Edu [2] e Pelé; Ilha do Retiro
24/11 – Atlético-MG 2 x 2 Santos – Gols: Edu e Pelé; Mineirão
27/11 – Santos 3 x 1 Grêmio – Gols: Carlos Alberto, Pelé e Toninho; Parque Antártica
01/12 – Botafogo 3 x 2 Santos – Gols: Toninho e Carlos Alberto; Maracanã
Campanha: 1º Lugar; 16 Jogos; 09 Vitórias; 04 Empates; 03 Derrotas; 37 GP; 18 GC; 19 SG
QUADRANGULAR FINAL
04/12 – Internacional 1 x 2 Santos – Gols: Pelé e Carlos Alberto; Olímpico
08/12 – Palmeiras 0 x 3 Santos – Gols: Abel, Edu e Toninho; Morumbi
10/12 – Vasco 1 x 2 Santos – Gols: Toninho e Pelé; Maracanã
Campanha Final:
CAMPEÃO; 19 Jogos; 12 Vitórias; 04 Empates; 03 Derrotas; 44 GP; 20 GC; 24 SG
Artilheiros:
18 Gols: Toninho Guerreiro
12 Gols: Pelé
07 Gols: Edu
03 Gols: Carlos Alberto Torres
02 Gols: Abel
01 Gol: Douglas e Negreiros

Fichas Técnicas:
08/09/1968 – Atlético-PR 3 x 2 Santos
Gols: Toninho e Edu; Zé Roberto, Gildo e Madureira.
Local: Estádio Durival de Brito, em Curitiba, Paraná.
Público: 19.638 + 4.665 menores (24.303 total)
Renda: NCr$ 99.810,00
Árbitro: Arnaldo César Coelho
Atlético-PR: Célio; Djalma Santos, Beline (Vilmar), Charrão e Nilo; Nair e Paulista; Gildo, Madureira, Zé Roberto e Nilson. Técnico: Nestor Alves
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Joel Camargo e Rildo; Clodoaldo e Negreiros; Edu, Toninho, Douglas (Marçal) e Pepe (Abel). Técnico: Zito
15/09/1968 – Flamengo 0 x 2 Santos
Gols: Edu aos 25min do primeiro tempo; Toninho aos 23min do segundo tempo.
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro.
Público: 59.956 + 18.066 menores (78.022 total)
Renda: NCr$ 159.457,15
Árbitro: Roberto Goicochea
Flamengo: Claudinei (Ubirajara Alcântara); Murilo, Onça, Guilherme e Paulo Henrique; Carlinhos, Liminha e Rodrigues Neto; Zezinho, Silva (Dionísio) e Fio.
Técnico: Valter Miraglia
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Oberdan e Rildo; Clodoaldo e Lima (Negreiros); Toninho, Amauri, Pelé e Edu. Técnico: Antoninho
18/09/1968 – Santos 0 x 0 Palmeiras
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 25.33 pagantes
Renda: Ncr$ 124.710,00
Árbitro: Roberto Goicochea
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Oberdan e Rildo; Clodoaldo e Lima; Toninho, Amauri, Pelé e Edu. Técnico: Antoninho
Palmeiras: Chicão; Eurico, Baldochi, Nelson e Ferrari; Dudu e Ademir da Guia; Copeu, Servílio, César (Artime) e Tupãzinho. Técnico: Filpo Nuñez
21/09/1968 – Santos 2 x 1 Fluminense
Gols: Pelé e Toninho; Lula
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo.
Público: 3.781 pagantes
Renda: Ncr$ 23.740,00
Árbitro: Armando Marques
Expulso: Toninho (SFC)
Santos: Laércio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Oberdan e Rildo; Clodoaldo e Lima (Negreiros); Amauri, Pelé, Toninho e Edu. Técnico: Antoninho
Fluminense: Félix; Oliveira, Osmar, Altair (Galhardo) e Assis; Denilson e Suingue; Claudio Garcia, Ademar Pantera (Wilton), Samarone e Lula.
Técnico: Evaristo de Macedo
25/09/1968 – Santos 1 x 1 Bangu-RJ
Gols: Toninho; Milton
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 5.740 aproximadamente
Renda: Ncr$ 25.304,00
Árbitro: Gualter Portela
Santos: Laércio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Oberdan e Rildo; Clodoaldo e Lima (Negreiros); Amauri, Pelé, Toninho e Edu (Pepe). Técnico: Antoninho
Bangu: Ubirajara; Fidélis, Lincoln, Luís Alberto e Pedrinho; Jaime e Juarez; Aladim, Gijo (Fernando), Sabará (Neguito) e Milton. Técnico: Ocimar
29/09/1968 – Vasco 3 x 2 Santos
Gols: Toninho [2]; Walfrido [2] e Nei
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro.
Público: 49.394 + 12.751 menores (62.145 total)
Renda: NCr$ 123.624,25
Árbitro: Roberto Goicochea
Expulsos: Pelé (Santos) e Fontana (Vasco)
Vasco: Pedro Paulo; Ferreira, Moacir e Fontana; Eberval, Alcir e Buglê; Nado (Raimundinho) (Fernando), Nei, Valfrido e Silvinho. Técnico: Paulinho De Almeida
Santos: Laércio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Oberdan e Rildo; Clodoaldo e Lima (Marçal); Amauri, Toninho, Pelé e Edu (Abel). Técnico: Antoninho
06/10/1968 – Santos 2 x 1 Corinthians
Gols: Paulo Borges aos 15min e Toninho aos 25min do primeiro tempo; Pelé aos 13min do segundo tempo.
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo.
Público: 46.347 + 8.329 (54.676 total)
Renda: NCr$ 309.769,00
Árbitro: Arnaldo César Coelho
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Marçal e Rildo; Clodoaldo e Negreiros (Lima); Douglas, Pelé, Toninho e Abel (Edu). Técnico: Antoninho
Corinthians: Lula; Oswaldo Cunha, Ditão, Luis Carlos e Vanderlei; Tales (Capitão), Dirceu Alves e Rivelino; Buião, Paulo Borges e Eduardo (Gilson Porto).
Técnico: Aimoré Moreira
10/10/1968 – Santos 9 x 2 Bahia
Gols: Toninho [4], Pelé [3], Negreiros e Douglas; Biriba e Adeuri.
Local: Estádio Pacaembu, em São Paulo.
Público: 2.448 pagantes
Renda: NCr$ 10.390,00
Árbitro: Jairo Câmara
Santos: Cláudio; Haroldo, Ramos Delgado (Paulo), Marçal e Rildo; Clodoaldo (Lima) e Negreiros; Toninho, Douglas, Pelé e Abel. Técnico: Antoninho
Bahia: Jurandir; Zé Oto, Jaime, Itamar e Pão; Amorim e Eliseu; Biriba, Adauri, Moraes e Pinheirinho. Técnico: Paulo Amaral
13/10/1968 – Santos 2 x 0 Cruzeiro
Gols: Pelé aos 4min do primeiro tempo; Toninho aos 41min do segundo tempo.
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo.
Público: 29.469 pagantes
Renda: NCr$ 182.368,00
Árbitro: José Mario Vinhas
Expulsos: Pedro Paulo (Cruzeiro) e Negreiros (Santos).
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Marçal e Rildo; Clodoaldo e Negreiros; Toninho, Douglas (Edu), Pelé e Abel. Técnico: Antoninho
Cruzeiro: Fazano; Pedro Paulo, Procópio, Darci e Murilo; Zé Carlos (Piazza) e Dirceu Lopes; Natal, Evaldo, Tostão e Rodrigues (Hilton Oliveira).
Técnico: Orlando Fantoni
16/10/1968 – Santos 2 x 0 Portuguesa
Gols: Abel aos 42min do primeiro tempo; Toninho aos 24min do segundo tempo.
Local: Estádio Parque Antártica, em São Paulo.
Público: 5.167 + 2.840 menores (8.007 total)
Renda: NCr$ 26.245,00
Árbitro: Arnaldo Cesar Coelho
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Marçal e Rildo; Clodoaldo (Lima) e Negreiros; Toninho, Douglas, Pelé e Abel. Técnico: Antoninho
Portuguesa: Orlando; Zé Maria (Américo), Guaraci, Marinho e Augusto; Ulisses, Lorico e Paes (Basílio); Ivair, Leivinha e Rodrigues. Técnico: Lula
20/10/1968 – São Paulo 0 x 0 Santos
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo.
Público: 11.795 pagantes
Renda: NCr$ 67.269,00
Árbitro: José de Oliveira
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Marçal e Rildo; Clodoaldo e Negreiros; Douglas (Edu), Toninho, Pelé e Abel. Técnico: Antoninho
São Paulo: Picasso; Celso, Arlindo, Dias e Dé; Carlos Alberto e Nenê; Miruca, Nelsinho, Babá e Paraná. Técnico: Diede Lameiro
23/10/1968 – Internacional 1 x 3 Santos
Gols: Toninho aos 10min e Claudiomiro aos 12min do primeiro tempo; Edu aos 7min e Pelé aos 14min do segundo tempo
Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul.
Público: 57.390 pagantes (recorde de público no RS)
Renda: NCr$ 176.898,00 (recorde de renda no RS)
Árbitro: Arnaldo César Coelho
Internacional: Schneider; Laurício, Scala, Pontes e Sadi (Macau); Tovar e Dorinho; Carlitos (Valdomiro), Braulio, Claudiomiro e Bebeto.
Técnico: Daltro Menezes.
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Marçal e Rildo; Clodoaldo e Negreiros; Douglas, Pelé, Toninho (Edu) e Abel. Técnico: Antoninho
– Ocorrências: Aniversário de Pelé. Banda recepcionou o Rei tocando “Parabéns a você”, acompanha pelo público que cantou em homenagem a Pelé. Além disso, foi confeccionado um bolo gigantesco de 2,20 m de diâmetro por 1,80 m de altura. Recorde de Público no RS
27/10/1968 – Náutico 0 x 3 Santos
Gols: Edu aos 5min do primeiro tempo; Pelé aos 15min e Edu aos 42min do segundo tempo.
Local: Estádio Ilha do Retiro, em Recife, Pernambuco.
Público: 19.634 pagantes
Renda: NCr$ 81.576,00
Árbitro: Arnaldo César Coelho
Náutico: Valter Serafim; Gena, Ivan Limeira, Nilton e Lourival; Zé Carlos (Nilsinho) e Milton; Coutinho, Ladeira, Nino e Lalá (Ede). Técnico: Duque
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Marçal (Oberdan) e Rildo; Clodoaldo (Lima) e Negreiros; Edu, Douglas, Pelé, e Abel. Técnico: Antoninho
24/11/1968 – Atlético-MG 2 x 2 Santos
Gols: Lola aos 10min, Vaguinho aos 12min, Edu aos 26min e Pelé aos 28min do segundo tempo.
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte, Minas Gerais.
Público: 61.546 pagantes
Renda: NCr$ 178.976,00
Árbitro: Arnaldo César Coelho
Expulso: Carlos Alberto Torres (Santos)
Atlético-MG: Mussula; Humberto Monteiro, Grapete, Normandes e Cincunegui; Vanderlei Paiva e Oldair; Ronaldo, Vaguinho (Lacy), Lola e Tião (Caldeira). Técnico: Yustrich.
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Marçal e Rildo; Clodoaldo e Negreiros (Lima); Edu, Toninho, Pelé e Abel (Haroldo). Técnico: Antoninho
27/11/1968 – Santos 3 x 1 Grêmio
Gols: Carlos Alberto aos 41min do primeiro tempo; Pelé aos 6min, Toninho aos 40min e Sérgio Lopes aos 45min do segundo tempo.
Local: Estádio Parque Antártica, em São Paulo.
Público: 3.487 pagantes
Renda: NCr$ 20.581,00
Árbitro: Agomar Martins
Expulso: Pelé (Santos)
Santos: Cláudio, Carlos Alberto, Ramos Delgado, Marçal e Rildo; Clodoaldo e Lima; Edu, Toninho, Pelé e Abel (Manoel Maria). Técnico: Antoninho
Grêmio: Alberto; Renato, Paulo Souza, Áureo e Everaldo; Cleo (Joãozinho), Jadir e Sergio Lopes; Babá (Paíca), Volmir e Loivo. Tecnico: Sérgio Moacir.
01/12/1968 – Botafogo 3 x 2 Santos
Gols: Toninho e Carlos Alberto; Humberto, Gérson e Roberto.
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro.
Público: 10.422 + 6.234 menores (16.656 total)
Renda: NCr$ 27.275,00
Árbitro: Arnaldo César Coelho
Botafogo: Cao; Moreira, Zé Carlos, Dimas e Valtencir; Carlos Roberto e Gerson; Rogério, Roberto Humberto (Ferretti) e Paulo César. Técnico: Zagallo
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Marçal e Rildo; Clodoaldo e Lima; Edu, Toninho, Pelé e Abel (Manoel Maria). Técnico: Antoninho
04/12/1968 – Internacional 1 x 2 Santos
Gols: Pelé aos 32mn e Elton aos 37min do primeiro tempo; Carlos Alberto aos 43min do segundo tempo.
Local: Estádio Olímpico, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul.
Público: 30.867 pagantes
Renda: NCr$ 140.424,00
Árbitro: Roberto Goycochea
Internacional: Gainete; Laurício, Scala, Pontes e Jorge Andrada; Elton e Dorinho; Carlitos (Tovar), Braulio, Claudiomiro e Canhoto. Técnico: Daltro Menezes.
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Marçal e Rildo; Clodoaldo e Lima (Negreiros); Edu, Pelé, Toninho e Abel. Técnico: Antoninho
08/12/1968 – Santos 3 x 0 Palmeiras
Gols: Abel aos 14min do primeiro tempo; Edu aos 35min e Toninho aos 42min do segundo tempo.
Local: Estádio Morumbi, em São Paulo.
Público: 36.278 pagantes
Renda: NCr$ 231.390,00
Árbitro: Armando Marques
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Marçal e Rildo; Clodoaldo e Lima; Edu, Toninho, Pelé e Abel (Manoel Maria). Técnico: Antoninho
Palmeiras: Chicão; Eurico, Baldochi, Nélson e Ferrari; Dudu e Ademir da Guia; Marco Antonio (Servílio), Artime, Tupãzinho e Serginho. Técnico: Filpo Nuñez
10/12/1968 – Vasco 1 x 2 Santos
Gols: Toninho aos 15min e Pelé aos 38min do primeiro tempo; Bianchini aos 15min do segundo tempo.
Local: Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro.
Público: 54.994 pagantes
Renda: NCr$ 144.372,00
Árbitro: Arnaldo César Coelho
Expulsos: Bianchini (Vasco) e Cláudio (Santos)
Vasco: Valdir; Ferreira, Brito, Moacir (Fernando) e Eberval; Benetti, Alcir e Nado; Valfrido, Bianchini e Danilo Menezes (Adílson). Técnico: Paulinho De Almeida
Santos: Cláudio; Carlos Alberto, Ramos Delgado, Marçal e Rildo; Clodoaldo e Lima; Edu, Toninho (Douglas), Pelé e Abel (Laércio). Técnico: Antoninho




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *