Victor Lovecchio – 1930-1941

Published On 01/11/2016 | Ex-Atletas
Por Ronaldo Silva e Gabriel Santana
Santos,01/11/2016

Nome Completo – Victor Lovecchio
Período – 1930-1939
Posição – Goleiro
Nascimento – 10 de outubro de 1909, em Santos
Jogos – 58
Gols – 00

Histórico – Iniciou-se no futebol com 16 anos, através do Brasil Athlético Clube, da Bocaina na Ilha de Santo Amaro, no Guarujá, vizinha cidade a Santos, onde permaneceu durante 3 anos.
Ingressou no Santos Futebol Clube em outubro de 1928, atuando inicialmente em partidas do Quadro B. O time principal já contava com o goleiro Athié, um dos mais renomados da época, e a disputa pela camisa 1 era demasiadamente acirrada.
Conhecido também pelo apelido de “italianinho”, foi Campeão Santista com o “Santos Extra”, em 1930 e 1931, pela ASEA, e Campeão Paulista em 1935, com o “Quadro B”. Tanto o Santos Extra como o Quadro B, significavam o “Santos B” de hoje em dia.
Fora das quatro linhas, Victor Lovecchio se aventurou na disputa de prova de Salto em Altura com Vara, em 1929 e lutou na Revolução Constituinte de 1932.
Convidado pela equipe do Estudante Paulista para uma excursão ao Chile e Peru, finalmente pode mostrar seu potencial, e ao retornar foi chamado para o primeiro quadro do Santos, onde acompanhou o clube em diversas viagens pelo Brasil.
Devido as suas boas atuações, em d
ezembro de 1937, recebeu uma medalha de ouro de seus admiradores.
Recebeu uma proposta do Palestra Itália em fevereiro de 1938, mas optou em permanecer no Santos.
Seu ultimo ano com a camisa santista foi em 1941, quando se despediu justamente na estreia de um dos maiores craques da história do Alvinegro, o maestro Antoninho.
Ao se aposentar, continuou acompanhando de perto o seu clube de coração, e em 1948, teve a oportunidade de ser diretor do Departamento Amador de Futebol do Santos.

ESTREIA
01/05/1930 – Hespanha FC 1 x 5 Santos
Gols: Requião (2), Strauss (2) e Bellido (contra) – Frederico
Local: Estádio Antonio Alonso, em Santos.
Competição: Amistoso (Taça José Saraiva)
Árbitro: Wenceslau de Souza
SFC: Victor Lovecchio; Aristides e Pinheiro; Hugo, Roberto e Alfredo; Paulino, Requião, Strauss, Passos e Anadyr. Técnico: Platero
EFC: Edmundo; Dito e Pedro; Bellido, Dino e Evaristo; Bonelli, Caccioli, Benito, Colombini e Frederico.
ULTIMA PARTIDA
20/05/1941 – Santos 10 x 3 Coritiba
Gols: Carabina [6], Bonge, Raul, Cláudio e Tom Mix; Pio e Gabardo [2]
Local: Vila Belmiro
Competição: Amistoso
Árbitro: José Alexandrino
Santos: Victor Lovecchio; Neves e Ary Fernandes; Botelho, Elesbão e Laurindo; Cláudio, Orestes (Antoninho), Raul, Sarabina, Bonge e Tom Mix.
Coritiba: Ary; Nei e Augusto; Biguá, Cansado (Tonico) e Jango; Baptista, Pio, Tonico (Neno), Gabardo e Saul.

Jogos por ano:
1930 – 02 jogos;
1931 – 02 jogos;
1932 – 02 jogos;
1933 – 09 jogos;
1934 – 01 jogo;
1935 – 04 jogos;
1936 – 02 jogos;
1937 – 10 jogos;
1938 – 09 jogos;
1939 – 16 jogos;
1941 – 01 jogo;
Total: 58 Jogos

Fontes e Referências:
Almanaque do Santos FC;
Jornal “A Tribuna”;
Jornal “O Estado de São Paulo”
Jornal “Correio Paulistano”
Jornal “A Gazeta Esportiva”

Comments are closed.