Vila Belmiro recebe alcunha de alçapão – 1930

Published On 07/06/2016 | Memória Santista, Vila Belmiro
Por Kadw Gommes
Santos, 07/06/2016
Atualizado, 21/12/2016

Após ter brilhado no certame mundial de Montevidéu, o “onze” francês baqueia espetacularmente ante o famoso conjunto santista. (Descrição do Jornal Mundo Esportivo, os maiores feitos do futebol brasileiro, na vitória santista de 6 a 1 sobre o selecionado francês, partida realizada em Vila Belmiro, na data de 30 de julho de 1930). Antes de ter a alcunha de Templo do Futebol, Vila mais famosa do mundo ou casa do Rei Pelé, o nobre estádio de Vila Belmiro (Urbano Caldeira) recebeu seu mais primordial apelido: Alçapão. O fato ocorreu em 1930, sendo este o maior destaque santista naquela temporada. Naquele ano, o Alvinegro ficou invicto em seus domínios durante todo ano esportivo e, por isso, recebeu singelo reconhecimento, nascendo o “Alçapão de Vila Belmiro”.
1933-05-17 - Santos 6 x 2 Ypiranga (1)

A alcunha de alçapão foi deferida pelo jornalista Antônio Guenaga, de “A Tribuna”, mediante aos expressivos resultados obtidos pelo alvinegro em seu estádio, num total de 25 partidas invictas, ao que compete todo o ano de 1930.

feitiço

O grande artilheiro santista da Era Amadora, Feitiço.

Em 26 de janeiro, foi iniciada a brilhante trajetória, num amistoso, com triunfo sobre o Guarani por 3 a 2. Na sequência, foram decorrentes grandes resultados obtidos no Campeonato Paulista – que só encerraria em 1931. Na ocasião, inúmeras goleadas foram praxes de um Santos que passava empolgante momento, apesar da perda do craque Araken Patusca, mas contando com Feitiço e outros cobras, teve um caráter aguerrido e combatente. Tanto que, impôs com certa facilidade 6 a 1 no Juventus (tentos de Feitiço 3, Camarão 2 e Cepo) e 5 a 1 no Ypiranga (gols de Evangelista, Camarão, Strauss, Hugo e Franco II), depois tornou a ditar requintes altíssimos nos 5 a 1 agora frente ao Sírio, repetindo o adversário ao aplicar a maior goleado do ano no Ypiranga por 8 a 2, tendo Feitiço anotado 6 gols e Camarão e Omar um cada, seguiu envolvendo a endiabrada Portuguesa num total de 5 a 2, gols de Feitiço (2), Camarão, Victor e Júlio. Encerrou o ano com brilhantismo frente ao forte Guarani do trio Nenê, Lolico e Roberinho, vencendo por 5 a 1 onde marcaram Feitiço (2), Camarão (2) e Vitor. No mais, ainda tivera imponente êxitos em 23 de março, frente ao poderoso Palestra Itália dos craques Heitor e Amílcar, com gol de Camarão dando o êxito por 1 a 0.
Num destaque soberbo estão os prélios internacionais santistas nesse saudoso ano de 1930. O primeiro deles ocorre em 09 de fevereiro, com o Alvinegro tendo a presença no quadro de jogadores de Arthur Friedenreich, contra o Atlético Tucúmam/ARG que sofreu goleada por 4 a 1, gols de Feitiço (2), Evangelista e Camarão. Depois redigiu nova conta extravagante de 4 a 1, com tentos de Omar, Camarão, Feitiço e Mario Seixas, frente aos argentinos do poderoso Huracán, na época um multicampeão argentino. Por fim, o mais laureado dos embates e triunfos daquele ano, numa fulminante envergadura de 6 a 1 sobre a Seleção da França dos craques André Maschinot, Alex Villaplane e Edmond Delfour, que regressava da Copa do Mundo/30. Nesta partida, os franceses pressionaram nos primeiros 20’, mas o Santos conseguiu brilhante reação sendo o centroavante Feitiço a figura máxima anotando quatro gols, Mario Seixas pontuou outros dois. A outra seleção enfrentada foi o Estados Unidos, que terminaram a Copa do Mundo com a 3º colocação, contra os americanos os santistas empataram em 3 a 3.
30 a 34.2Aqui a torcida santista nos anos de 1930, de início preservava uma forma mais contida a dos sócios presentes, nada lembra a fervorosa família santista das décadas posteriores, embora, seja qual for a época, sempre tenham ajudado nessa mística do clube com o estádio.
A força do Santos FC na Vila Belmiro impressiona desde seus primórdios, uma tradição que remete aos tempos mais antigos e fica evidenciada nos momentos atuais. Abaixo, confere a lista das 25 partidas invictas anual que motivaram aos Jornais tal cognome de Alçapão ao estádio:

26/01/1930 – Santos 3 x 2 Guarani – Amistoso – Vila Belmiro
09/02/1930 – Santos 4 x 1 Tucúman-ARG – Amistoso – Vila Belmiro
24/02/1930 – Santos 1 x 1 Fluminense – Amistoso – Vila Belmiro
16/03/1930 – Santos 6 x 1 Juventus – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
23/03/1930 – Santos 1 x 0 Palmeiras – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
13/04/1930 – Santos 3 x 2 America – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
20/04/1930 – Santos 5 x 3 Ponte Preta – Amistoso – Vila Belmiro
27/04/1930 – Santos 3 x 0 Germânia – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
03/05/1930 – Santos 5 x 1 Ypiranga – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
11/05/1930 – Santos 2 x 2 São Paulo da Floresta – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
25/05/1930 – Santos 5 x 1 Sírio – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
08/06/1930 – Santos 3 x 0 Atlético Santista – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
14/07/1930 – Santos 1 x 0 Comb. Jabaquara/Portuguesa Santista – Amistoso – Vila Belmiro
24/07/1930 – Santos 4 x 1 Huracán-ARG – Amistoso – Vila Belmiro
27/07/1930 – Santos 3 x 1 Sírio – Amistoso – Vila Belmiro
30/07/1930 – Santos 6 x 1 Seleção da França – Amistoso – Vila Belmiro
03/08/1930 – Santos 3 x 1 A.A.São Bento – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
09/08/1930 – Santos 3 x 3 Seleção dos Estados Unidos – Amistoso – Vila Belmiro
24/08/1930 – Santos 2 x 2 Sírio – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
07/09/1930 – Santos 2 x 1 Inter da Capital – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
05/10/1930 – Santos 8 x 2 Ypiranga – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
16/11/1930 – Santos 5 x 2 Portuguesa – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
07/12/1930 – Santos 2 x 0 América – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
14/12/1930 – Santos 3 x 1 Germânia – Campeonato Paulista – Vila Belmiro
21/12/1930 – Santos 5 x 1 Guarani – Campeonato Paulista – Vila Belmiro

Fontes e Referências:
Centro de Memória e Estatística do Santos FC;
Jornal “A Tribuna”;

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *